"Bolsonarismo" é modalidade do fascismo brasileiro, diz escritor Luiz Eduardo Soares

por Antena 1

Foto: CUT Alagoas@Facebook/DR

No Brasil, com todas as sondagens a apontar para uma vitória de Lula da Silva sobre Jair Bolsonaro, na primeira ou na segunda volta, o antropólogo e escritor Luiz Eduardo Soares teme ameaças à ordem pública e institucional.

O autor do livro que deu origem aos filmes "Tropa de Elite" lembra que o atual presidente reúne 30 por cento das preferências do eleitorado e que Lula, se for eleito, não terá um mandato fácil.

Em entrevista ao enviado da Antena 1 ao Brasil, Nuno Amaral, o académico defende que o “bolsonarismo” é uma modalidade do fascismo brasileiro.

pub