Cinco séculos da circum-navegação celebrados em Londres na Organização Marítima Mundial

| Mundo

O 500.º aniversário da viagem de circum-navegação iniciada pelo navegador português Fernão de Magalhães, em 1519, é hoje celebrado na Organização Marítima Mundial, em Londres, numa iniciativa conjunta das embaixadas de Portugal e de Espanha no Reino Unido.

Uma conferência com o historiador português João Paulo Oliveira e Costa e o jornalista Francisco Taronjí vai debater e refletir sobre a primeira volta completa ao mundo, iniciada pelo navegador português Fernão de Magalhães e completada pelo navegador espanhol Juan Sebstián Elcano, em 1522.

"O propósito é recordar uma viagem de grande importância e significado científico comandada em grande parte do seu percurso por um navegador português, que muitos consideram ter dado uma contribuição significativa para o que hoje se chama `globalização`", disse à agência Lusa o embaixador de Portugal no Reino Unido, Manuel Lobo Antunes.

Este acontecimento merece ser celebrado na sede da Organização Marítima Mundial porque, acrescentou, "contribuiu para um melhor conhecimento científico do globo, abrindo rotas marítimas alternativas para o comércio de produtos entre a Ásia e a Europa".

Portugal e Espanha têm previsto um programa de ações conjuntas para comemorar os 500 anos da primeira volta ao mundo, da qual faz parte uma viagem de circum-navegação pelos navios-escola Sagres (português) e Juan Sebastián Elcano (espanhol).

Está também prevista uma exposição itinerante organizada pelos Ministérios da Cultura dos dois países, a coprodução de uma série televisiva, e a elaboração de um estudo sobre a "Projeção mundial do espanhol e do português".

A apresentação de uma Declaração dos Ministros da Cultura da União Europeia, sobre o significado da circum-navegação, é outra das ações apresentadas.

As embaixadas de Portugal e de Espanha também vão coordenar a organização de atividades conjuntas nos países da Rota de Magalhães-Elcano: Brasil, Uruguai, Argentina, Chile, Filipinas, Brunei, Indonésia, Timor-Leste, Moçambique, África do Sul e Cabo Verde.

Tópicos:

Fernão Magalhães, Rota Magalhães Elcano, Sagres, Sebastián Elcano, Sebstián Elcano,

A informação mais vista

+ Em Foco

A Grécia agradeceu a Portugal a solidariedade do país pela disponibilidade de receber mil migrantes e refugiados, atualmente alojados em condições precárias naquele país.

A receita da venda desta madeira ultrapassará os 15 milhões de euros, que devem ser investidos na nova Mata do Rei.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.