Crise climática. Ursos polares invadem povoações em busca de comida

| Mundo

|

Uma remota região russa está a reunir múltiplas queixas da proximidade de ursos polares às suas povoações. Como um dos motivos, os cientistas indicam a crise climática, que tem levado à diminuição do gelo e à necessidade de estes animais procurarem comida nas aldeias mais próximas.

Na costa do mar de Tchuktchi, situado no Oceano Ártico, os habitantes da pequena aldeia russa de Ryrkaipij têm-se deparado com uma situação incomportável – dezenas de ursos polares.

Os ursos têm-se aproximado das povoações locais em busca de comida, o que tem feito soar o alarme pelos habitantes. As autoridades policiais têm tentado afastar os animais com isqueiros e pistolas de alarme.

Mas o caso não é inédito.

Em fevereiro, as ilhas de Novaya Zemlya declararam estado de emergência quando se deu o aparecimento de mais de 52 ursos na aldeia com apenas alguns milhares de residentes. Houve relatos de que os animais atacaram pessoas e entraram em zonas habitacionais e em edifícios públicos.

O sucedido também afeta a rotina da população local: "As pessoas estão assustadas, têm medo de sair das suas casas, as suas rotinas diárias estão a quebrar-se e os pais não querem deixar as suas crianças ir para a escola ou para o infantário", disse Alexander Minayev, representante da região, ao Guardian.

Em 2016, cinco cientistas russos viram-se cercados por dez ursos durante semanas, numa estação meteorológica na ilha de Troynoy, a norte da Sibéria.

Este ano, alguns cientistas do Alasca concluíram que a probabilidade de encontro com um urso polar tinha aumentado, após a investigação revelar que os ursos estão a chegar à costa mais cedo e a permanecer durante mais tempo.

A organização ambiental WWF (World Wild Fund for Nature) explicou a situação: "No final do verão, os ursos polares são atraídos para as costas", disse o porta-voz da organização, Roland Gramling. Ali, esperam que o gelo se forme no mar para poderem alimentar-se, mas o tempo de espera está a aumentar: "Por causa da crise climática, o mar está a ficar sem gelo durante períodos de tempo mais longos".

Assim, os ursos estão a ver-se forçados a procurar comida noutros locais, deslocando-se a povoações próximas, revistando casas e caixotes do lixo.

A informação mais vista

+ Em Foco

A RTP ouviu os seis lideres partidários sobre temas que escapam aos programas políticos e que contribuem para definir o perfil dos candidatos.

    Uma sondagem da Universidade Católica aponta para o fim da hegemonia laranja na Madeira, apesar da vitória do PSD nas regionais (38%) do próximo domingo.

    Na semana em que se assinala o início da II Guerra Mundial, a RTP conta histórias de portugueses envolvidos diretamente no conflito.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.