Levantado alerta de tsunami após sismo de magnitude 7,7 ao largo da Rússia

| Mundo

O alerta de tsunami que tinha sido emitido hoje em algumas partes do Pacífico na sequência de um sismo de 7,7 ao largo da Rússia, foi entretanto levantado, informaram as autoridades.

O Centro de Alertas de Tsunami do Pacífico tinha informado antes que as ondas não deveriam exceder os 0,3 metros acima do nível da maré alta na costa da região em estado de alerta, da Rússia ao Havai.

O alerta foi, no entanto, rapidamente levantado, com as autoridades a não prever um "tsunami destruidor no Pacífico" e sublinhando que o estado norte-americano do Havai não estava ameaçado.

"Variações menores do nível do mar poderão ocorrer em algumas zonas costeiras nas próximas horas", informou.

O sismo foi registado a 11,7 quilómetros de profundidade, pelas 23:34 GMT de segunda-feira (00:34 de hoje em Lisboa), a 199 quilómetros a leste de Nikolskoye, na Rússia, sgundo o Centro Geológico dos Estados Unidos (USGS na sigla em inglês).

Tópicos:

Alertas Tsunami,

A informação mais vista

+ Em Foco

Um mês depois dos incêndios, ainda há raízes em combustão sob a terra no concelho de Pedrógão Grande. Reunimos aqui um conjunto de vídeos em 360 graus captados no local.

A 17 de junho, Portugal começou a assistir ao mais mortífero incêndio de sempre. A paisagem de Pedrógão Grande mantém-se em tons de sépia. Um cenário captado pelo fotojornalista Pedro A. Pina.

    Nos últimos dois anos a RTP ouviu três vozes com diferentes perspetivas do conflito israelo-palestiniano: Miko Peled, Shahd Whadi e Tamir Ginz.

    Natalidade, envelhecimento, turismo, agricultura, emigração, pobreza, saúde, desigualdades. A caminho das autárquicas a Antena 1 fixa o país em 20 retratos.