Linha da Frente. A RTP com os militares portugueses na República Centro-Africana

| Mundo

|

São a Força de Reação Imediata das Nações Unidas, na República Centro Africana. O 6.º país mais pobre do mundo. A 3ª Força Nacional Destacada é composta por militares portugueses. Deviam ser o último recurso da Missão Multidimensional Integrada das Nações Unidas para a Estabilização da República Centro-Africana (MINUSCA), mas a instabilidade constante obriga a que estejam sempre na linha da frente para proteger civis dos grupos armados.

Os Seléka, de maioria muçulmana, e os Anti Balaka, de maioria cristã, disputam território desde 2013 num país rico em diamantes, ouro, petróleo, tem terra fértil e água em abundância.

O conflito tem subido de tom e nem os 12 mil capacetes azuis da ONU parecem conseguir estancar a violência que já obrigou mais de um milhão de pessoas a abandonar as suas casas.

Os jornalistas da RTP Sandra Claudino e Tiago Passos acompanharam a missão dos militares portugueses num país a beira de uma guerra civil.

Revelamos aqui algumas imagens em 360º de um dos vários momentos em que os jornalistas da RTP acompanharam a missão.


Vídeos com uma visão única dos desafios que os militares portugueses enfrentam todos os dias.

Tópicos:

Linha da Frente, Portugal, RTP, militares, República Centro Africana,

A informação mais vista

+ Em Foco

A destruição causada pelas chamas no Estado norte-americano da Califórnia retratada numa galeria de fotografias.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      O ex-ministro da Defesa israelita Avigdor Lieberman acumulou diatribes ao longo da carreira política.

        Fotografias publicadas em livro da autoria do artista berlinense Martin Dammann lançam uma nova luz sobre o lado mais obscuro da Wehrmacht.