Merkel pede respeito pelos direitos e liberdades do povo de Hong Kong

| Mundo
Merkel pede respeito pelos direitos e liberdades do povo de Hong Kong

A chanceler alemã esteve esta sexta-feira reunida com o primeiro-ministro chinês, Li Kegiang, em Pequim e Hong Kong foi tema de conversa.

Merkel afirmou à imprensa que referiu ao presidente chinês que o acordo sino-britânico de 1994 ainda é válido e os direitos e liberdades devem ser garantidos.

A informação mais vista

+ Em Foco

Em 7 de outubro de 1944, os trabalhadores forçados do Sonderkommando de Auschwitz-Birkenau atacaram os guardas da SS.

Estamos em plena campanha para as Legislativas. Não queremos aqui influenciar o seu voto, mas tratar as dúvidas que nos apareceram a nós e que podem também ser as suas.

    Os portugueses escolhem os seus representantes a 6 de outubro. Acompanhe aqui a campanha, os debates e toda a informação sobre as Eleições Legislativas.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.