Morreu antigo vice-primeiro-ministro da Irlanda do Norte Martin McGuinness

| Mundo

Martin McGuinness, que foi vice-primeiro-ministro durante uma década de poder partilhado na Irlanda do Norte e ex-chefe do IRA, morreu, hoje de madrugada, aos 66 anos, anunciou o seu partido em comunicado.

"É com profundo pesar e tristeza que ficámos a saber da morte do nosso amigo e camarada Martin McGuinness, que faleceu durante a madrugada em Derry", indicou o Sinn Féin, partido nacionalista que representa os interesses católicos irlandeses na aspiração de integração na República da Irlanda.

Martin McGuinness morreu na sequência de um raro problema cardíaco, segundo a emissora britânica BBC.

Figura histórica do Sinn Féin renunciou recentemente à vida política. Demitiu-se em janeiro em divergência com a líder da outra formação no poder na Irlanda do Norte, Arlene Foster, do Partido Democrático Unionista (DUP), forçando eleições antecipadas naquela província britânica.

Era também conhecido por ter sido um dos líderes do extinto Exército Republicano Irlandês (IRA, na sigla em inglês), organização responsável por vários atentados e protagonista da violência que dominou a região durante três décadas.

Tópicos:

IRA, Irlanda, McGuinness,

A informação mais vista

+ Em Foco

Entrevista exclusiva de Rui Rio à editora de política da RTP Luísa Bastos.

Abrir uma torneira e vê-la jorrar água. É um ato tão comum que nunca imaginamos um dia em que tal quadro possa desaparecer. Algo que está prestes a tornar-se realidade na África do Sul.

    Foram sinalizados casos de mutilação genital numa escola da Baixa da Banheira. Uma associação trabalha com turmas. Ainda há rapazes que defendem a "submissão" como "saudável".

      Uma caricatura do mundo em que vivemos.