Mulher de 61 anos atingida a tiro no Brasil enquanto estava internada em hospital

| Mundo

Uma mulher de 61 anos, que estava internada num hospital privado no Rio de Janeiro, no Brasil, para ser operada à vesícula, foi atingida a tiro num olho por uma bala perdida, segundo a imprensa brasileira.

De acordo com jornal brasileiro Globo, a mulher foi atingida na madrugada de sábado, enquanto dormia, dentro de um dos maiores hospitais de Niterói, na região metropolitana do Rio de Janeiro.

Nas proximidades daquele estabelecimento hospitalar fica a comunidade Souza Soares, onde a polícia interveio, alegadamente no seguimento de uma festa.

Familiares da vítima citados pelo Globo disseram que a mulher estava internada há 18 dias para fazer exames e depois ser submetida a uma operação à vesícula.

As mesmas fontes informaram que a paciente baleada foi operada após o tiro e está em estado grave, correndo o risco de perder a visão de um olho, mas estável.

Segundo explicaram, a bala entrou por baixo do olho direito, ficou alojada na parte de trás da cabeça e ainda não foi retirada por precaução.

O caso está agora a ser investigado pela polícia brasileira, que vai perceber de onde surgiu o tiro.

Tópicos:

Souza,

A informação mais vista

+ Em Foco

Uma semana depois de as chamas deflagrarem em Monchique, a Proteção Civil deu o incêndio como dominado e em fase de resolução. Portugal volta a ser o país com mais área ardida na Europa.

    Uma parte central da Ponte Morandi, em Génova, Itália, desabou na manhã de terça-feira durante uma tempestade. Morreram dezenas de pessoas.

      É um desejo antigo do Homem poder tocar as estrelas. Um feito que parece ser agora "quase" alcançável através da missão espacial solar Parker.

        Entre as 21h00 de domingo e as 8h00 de segunda-feira, o mundo viu uma chuva de Perseidas, espetáculo habitual em agosto. Nos locais mais remotos, foi possível admirar melhor o fenómeno.