Pelo menos 13 soldados mortos pelos talibãs no oeste do Afeganistão

| Mundo

O grupo extremista islâmico Talibã matou pelo menos 13 soldados afegãos em combates que duraram três dias na província de Badghis (oeste do país), onde homens armados invadiram vários postos de controlo do Exército, informaram hoje as autoridades.

O porta-voz do governador daquela província disse desconhecer o destino de uma dúzia de outros soldados que estão desaparecidos.

Jamshid Shahabi adiantou que os combates começaram no sábado no distrito de Bala Murghab. Os militares realizaram vários ataques aéreos e enviaram reforços.

Shahabi acrescentou que 42 talibãs foram mortos e que 15 soldados ficaram feridos nos combates.

No entanto, um outro membro do conselho provincial, Mohammad Naser Nazari, disse haver registo de um número mais alto de baixas, avançando que 20 soldados foram mortos e outros 20 continuam desaparecidos.

As autoridades informaram que hoje registam-se apenas confrontos esporádicos em áreas remotas da província.

Os talibãs assumiram a responsabilidade pelo ataque.

A informação mais vista

+ Em Foco

Em Orlando, Donald Trump apresentou-se como vítima do jornalismo “fake” e insistiu no ataque à imigração ilegal.

Ján Kuciak e Martina Kusnírová foram encontrados mortos em casa, perto de Bratislava, a 26 de fevereiro de 2018.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.