Última Hora
António Costa com luz verde para o Conselho Europeu

Presidente da República promete guardar as memórias e as lições do passado colonial

por Teresa Borges - Antena 1

Foto: Miguel A. Lopes - Lusa

Um dia depois das críticas às declarações do chefe de Estado num jantar com os correspondentes estrangeiros em Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa esteve esta tarde no Centro Cultural de Belém, numa sessão evocativa dos 50 anos do 25 de Abril, com chefes de Estado dos países africanos de língua oficial portuguesa e Timor-Leste.

Marcelo ouviu um apelo do presidente de Moçambique para que assuma os erros do passado.

Uma sessão onde o presidente da República foi breve nas palavras que teceu sobre o colonialismo.
pub