Supremo Tribunal abre caminho à prisão de Lula

| Mundo
Supremo Tribunal abre caminho à prisão de Lula

O Supremo Tribunal Federal brasileiro rejeitou o pedido de libertação de Lula da Silva. O antigo presidente pode agora ser preso e começar a cumprir pena mesmo tendo ainda direito a recursos a tribunais superiores.

A votação decorreu na última noite no Supremo Tribunal Federal, no Brasil, e acabou empatada. Foi a presidente daquele órgão de justiça, Carmen Lúcia, que teve o voto final e rejeitou o pedido de “habeas corpus” de Lula da Silva.

A defesa do antigo presidente do Brasil ainda pediu que a prisão de Lula ficasse proibida até que o julgamento de outras ações estivesse concluído mas a maioria dos juízes do Supremo Tribunal Federal rejeitou o pedido da defesa.

Lula da silva pode agora ser preso e começar a cumprir pena mesmo tendo ainda direito a recursos a tribunais superiores.

A informação mais vista

+ Em Foco

Em entrevista à Antena 1, o presidente do PS elogia a chamada "geringonça", mas coloca reservas quanto à hipótese de ter BE e PCP num futuro executivo socialista.

    As famílias já pediram o repatriamento, mas o MNE diz que ainda não tem uma solução.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.