Governo esconde ajustes diretos para meios aéreos de 2,5 milhões de euros

| País
Governo esconde ajustes diretos para meios aéreos de 2,5 milhões de euros

A ver: Governo esconde ajustes diretos para meios aéreos de 2,5 milhões de euros

O país está em risco elevado de incêndio mas a Proteção Civil vive dias de total desnorte. O Presidente da Autoridade, Joaquim Leitão, demitiu-se há mais de uma semana, mas o governo mantém-no em funções.

Enquanto os operacionais rezam para que não haja mais incêndios graves, o novo ministro da Administração Interna autorizou seis ajustes diretos para 17 meios aéreos.

Mas o governo preserva estes contratos em segredo. Mesmo assim, o Sexta às 9 descobriu que, nos últimos dez dias, a Proteção Civil gastou mais de dois milhões e meio de euros em meios aéreos extraordinários.

Apesar da insistência do Sexta às 9 durante dez dias, a ANPC só confirmou este gasto na noite desta sexta-feira. No entanto, não mostrou os contratos públicos que foram assinados.

A informação mais vista

+ Em Foco

A receita da venda desta madeira ultrapassará os 15 milhões de euros, que devem ser investidos na nova Mata do Rei.

Mação, que ardeu no mês passado, era apontado como o concelho modelo na prevenção de incêndios. Nada impediu que o fogo voltasse.

Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

    Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.