Incêndio obriga à retirada de 78 pessoas em Tomar

| País
Incêndio obriga à retirada de 78 pessoas em Tomar

A ver: Incêndio obriga à retirada de 78 pessoas em Tomar

A presidente da Câmara de Tomar, Anabela Freitas reconheceu que este foi um "dia duro" e espera uma "noite igualmente dura".

O incêndio que lavra desde as 16h00 tem duas frentes activas numa área florestal semeada de habitações dispersas e se dirige para outra freguesia também com um número elevado de habitações fora dos aglomerados populacionais, "o que vai obrigar a uma dispersão dos meios", referiu a autarca.

Foram já retiradas 78 pessoas de suas casas e colocadas em lares e instituições de solidariedade social. Há ainda a registar dois feridos ligeiros mas nenhuma aldeia foi evacuada na totalidade.

A informação mais vista

+ Em Foco

A Redação da RTP votou sobre as figuras e acontecimentos mais destacados, a nível nacional e internacional. Veja aqui as escolhas.

    O verão acabou e com ele as horas de lazer nas praias. Mas a presença humana nestes locais ainda se faz sentir.

      Foi considerado o “pior dia do ano” em termos de fogos florestais, com a Proteção Civil a registar 443 ocorrências. Morreram 45 pessoas.

        Uma caricatura do mundo em que vivemos.