Mais um caso confirmado de legionella. São agora 51

| País

|

A Direção-Geral da Saúde informou esta tarde que há agora 51 casos confirmados de doença dos legionários. O número de vítimas mortais mantém-se inalterado - cinco.

No boletim epidemeológico divulgado às 17h30, a Direção-Geral da Saúde diz que há 51 casos confirmados de legionella desde 31 de outubro de 2017. Todos com "história de doença crónica e/ou fatores de risco".

Ainda de acordo com a DGS, cinco pessoas morreram desde o início deste surto.

Treze pessoas já tiveram alta clínica, 26 estão atualmente internadas em Unidades de Cuidados Intensivos e uma está na urgência.

Os dados divulgados pela DGS indicam ainda que a maior parte das pessoas infetadas têm 70 ou mais anos e 59% são do sexo feminino.

A informação mais vista

+ Em Foco

Nas eleições primárias, alguns dos mais conceituados senadores democratas foram vencidos por candidatos mais jovens, progressistas e, alguns deles, socialistas.

    Em 1995, dois estudantes desenvolveram um motor de pesquisa. Dois anos depois, Andy Bechtolsheim passou um cheque no valor de 100 mil dólares. Nesse dia, fez-se história: a Google nasceu.

      A Austrália enfrenta a maior seca de que há memória, afetando agricultores e criação de gado.