Operação Fizz. Defesa de Orlando Figueira pediu acareação contra Cândida Almeida

| País
Operação Fizz. Defesa de Orlando Figueira pediu acareação contra Cândida Almeida

A ver: Operação Fizz. Defesa de Orlando Figueira pediu acareação contra Cândida Almeida

A defesa de Orlando Figueira pediu uma acareação com a antiga directora do departamento central de investigação e acção penal, Cândida Almeida.

O arguido da operação Fizz invoca contradições em relação ao número de vezes que se reuniu com o antigo Procurador-Geral da República de Angola na altura. Cândida Almeida, arrolada como testemunha, assegura que foi apenas uma.

Orlando Figueira e Paulo Blanco dizem que foram quatro, cinco ou seis. No final, Cândida Almeida manteve a sua versão.

A informação mais vista

+ Em Foco

Abrir uma torneira e vê-la jorrar água. É um ato tão comum que nunca imaginamos um dia em que tal quadro possa desaparecer. Algo que está prestes a tornar-se realidade na África do Sul.

    Foram sinalizados casos de mutilação genital numa escola da Baixa da Banheira. Uma associação trabalha com turmas. Ainda há rapazes que defendem a "submissão" como "saudável".

      Eram muito jovens quando chegaram a Old Trafford. Há 60 anos o mundo chorou a perda de uma das melhores equipas de sempre em Inglaterra, treinada por Matt Busby.

        Uma caricatura do mundo em que vivemos.