Presidente da República destaca "cidadão empenhado"

| Política

O Presidente da República destacou hoje, numa mensagem de condolências, a capacidade do historiador José Manuel Tengarrinha para "aliar" as facetas "de cidadão empenhado e de académico admirado pelos seus pares".

Fundador do Movimento Democrático Português/Comissão Democrática Eleitoral (MDP/CDE) e atualmente militante do partido Livre, José Manuel Tengarrinha morreu na sexta-feira, aos 86 anos.

Numa mensagem de condolências dirigida à família, publicada na página oficial da Presidência da República, Marcelo Rebelo de Sousa realça que o fundador do MDP/CDE foi um "combatente corajoso pela causa da liberdade e da democracia".

O Presidente acrescenta que, na Universidade, José Manuel Tengarrinha "foi mestre de gerações" e deixou "uma obra sobre a história política de Portugal nos séculos XIX e XX que perdurará ao longo dos anos".

Tengarrinha foi uma "personalidade discreta e cativante, que deixa um rasto de saudade em todos quantos tiveram o privilégio de o conhecer", sublinha Marcelo Rebelo de Sousa.

Durante o Estado Novo, José Manuel Tengarrinha foi preso pela polícia política (PIDE) e esteve na Cadeia do Aljube. Viria a ser, depois do 25 de Abril de 1974, deputado à Assembleia Constituinte.

Tópicos:

Democrática, Tengarrinha, XIX,

A informação mais vista

+ Em Foco

O Conselho Europeu informal de Salzburgo tem em cima da mesa dossiers sensíveis, com a imigração e o Brexit no topo da agenda. A RTP preparou um conjunto de reportagens especiais sobre esta cimeira.

    Nas eleições primárias, alguns dos mais conceituados senadores democratas foram vencidos por candidatos mais jovens, progressistas e, alguns deles, socialistas.

      Em 1995, dois estudantes desenvolveram um motor de pesquisa. Dois anos depois, Andy Bechtolsheim passou um cheque no valor de 100 mil dólares. Nesse dia, fez-se história: a Google nasceu.

        Os novos desenvolvimentos no diferendo comercial entre os Estados Unidos e a China vieram lançar ainda mais dúvidas sobre os próximos passos que os dois lados poderão adotar.