Vítor Gaspar evitou manifestantes mas não se livrou das críticas

por Natália Carvalho

O ministro das Finanças chegou mais cedo e não se cruzou com os manifestantes que o esperavam para lhe cantarem a “Grândola Vila Morena” à porta de uma conferência sobre a reforma do Estado destinada a militantes do PSD, na noite passada, em Lisboa. Porém, Vítor Gaspar não se livrou das críticas dos social-democratas.

Os militantes do PSD apresentaram várias observações em tom crítico ao ministro das Finanças. Neste encontro que decorreu numa sala que não encheu, Vítor Gaspar acabou a confessar que não tem jeito para ler nas estrelas.

(com Sandra Henriques)