Pós-eleições em Itália: a caminho de eleições antecipadas?

por RTP

Em Itália, a vitória nas eleições europeias de Matteo Salvini altera o equilíbrio de poderes dentro do governo italiano - há já quem antecipe uma queda do executivo - e pode até influenciar a posição de Itália na União Europeia e dentro das próprias instituições europeias.

Com um resultado confortavelmente acima dos 30% (34,27%), a Liga de Matteo Salvini foi a grande vencedora das eleições europeias em Itália. Já o Movimento 5 estrelas, que nas legislativas de 2018 tinha sido o partido mais votado cai a pique, com uma votação abaixo dos 20%. Um novo equilíbrio de poderes pode trazer problemas à governação de Itália.

Esta reportagem faz parte do programa Europa Minha, que pode ver aqui.