Palavra Cruzada - De Quem Escreve Para Quem Lê

Dulce Maria Cardoso27 Abr. 2021

Como é o caminho que os livros percorrem desde o momento em que saem das mãos de quem os escreve até às de quem deles se apropria? Por que transformações passam as palavras, formadas na mente e nos dedos de quem escreve, ao atravessarem distâncias inusitadas, até serem colhidas e absorvidas por quem lê? Que força, que paixão, que impulso unem o(a) escritor(a) aos leitores(as)? O que é que se perde e o que é que se ganha, nessa acidentada viagem? Este jogo de cumplicidades que se cria (ou não) entre estranhos (quem escreve e quem lê) é um dos mistérios da civilização, no que ela tem de mais comunitário, gregário, intelectual. Para discutir e aprofundar esse périplo, Helena Vasconcelos conversa com dois escritores e duas escritoras, em quatro entrevistas.No final de cada entrevista, haverá uma sugestão de leitura, e uma semana depois, uma sessão on-line aberta ao público, para quem que desejar discutir, analisar e opinar. Por favor consulte a informação no site do CCB.

Play - Palavra Cruzada - De Quem Escreve Para Quem Lê
1h

Todos

Começou a publicar em 2002 e o romance Campo de Sangue foi imediatamente elogiado pela sua singularidade e profundidade. Dulce Maria Cardoso, oriunda de Trás-os-Montes, cresceu em Luanda, Angola e essa experiência deu origem a uma das mais importantes obras literárias sobre a descolonização, o romance O Retorno (2011). Daí até Eliete. A vida Normal, publicado em 2019, tem percorrido um caminho singular e notável. Helena Vasconcelos falará com a autora sobre a sua obra, as suas preocupações, o seu ativismo e sobre o que se segue no seu horizonte.

Helena Vasconcelos
Dulce Maria Cardoso
Parceria CCB / RTP Palco 2021
Gravação On Air

duração total 1h
posição atual:
ir para o minuto:
532024

RTP Palco | Um serviço RTP Play

Instale a aplicação RTP Palco

Disponível para iOS e Android.

", ?>