Em direto
Zelensky visita Portugal com acordo de cooperação militar na agenda

Caso Stormy Daniels. Escolhidos os seis primeiros jurados para o julgamento de Donald Trump

por RTP
Foto: Justin Lane - EPA

Foram selecionados, esta terça-feira, os primeiros seis jurados para atuar no julgamento de Donald Trump no caso de Stormy Daniels. O processo de seleção continua, dado que são precisos, no total, 12 jurados e seis suplentes.

O tribunal de Manhattan já escolheu metade dos jurados para o julgamento do ex-presidente norte-americano no caso Stormy Daniels.

O processo de escolha do painel de jurados é complexo, dado que dezenas de potenciais jurados pediram escusa por considerarem que não conseguem dar um veredito imparcial. Na segunda-feira, dos 96 potenciais jurados aos quais foi questionado se teriam dificuldades em ser imparciais, 50 levantaram a mão e foram dispensados.

Durante o processo de seleção desta terça-feira, Donald Trump sofreu uma dura reprimenda por parte do juri que preside o seu julgamento, depois de o ex-presidente ter sido visto a sussurrar algumas palavras a um dos potenciais jurados.

“Não permitirei que os jurados sejam intimidados no meu tribunal”, disse o juiz Juan Merchan aos advogados de Trump.


O julgamento de Donald Trump arrancou esta segunda-feira. O ex-presidente enfrenta 34 acusações criminais por falsificação de registos comerciais como parte de um alegado esquema para silenciar informações sobre encontros sexuais extraconjugais durante a sua campanha presidencial de 2016.

A acusação garante que Trump deu instruções ao então advogado para comprar o silêncio de duas mulheres com as quais o antigo presidente teria tido casos extraconjugais: uma atriz de filmes pornográficos, Stormy Daniels, uma modelo da Playboy, Karen McDougal.

Este é um dos quatro processos criminais que Trump enfrenta e que fizeram com que o republicano se tornasse o primeiro ex-presidente dos Estados Unidos a ser julgado criminalmente. 

Trump declara-se inocente de todas as acusações e fala numa “caça às bruxas” destinada a interferir na sua campanha para destituir o presidente democrata Joe Biden nas próximas eleições.

Para ficar completo, o painel precisa de mais seis jurados titulares, para além de seis suplentes. O juiz pretende encerrar o processo de seleção do juri dentro de uma semana e arrancar com os argumentos iniciais da acusação e da defesa na próxima segunda-feira.
pub