Os Nossos Dias

Ep. 4002 Jun. 2015 | temporada 2

Play - Os Nossos Dias

Ep. 40

Duração: 40min

Género: Ficção

Class.: 10AP

RTP1

Furiosa com Emília, por lhe ter trocado a dedicatória do livro que lançou escrevendo para a mulher e o filho em vez de "J", numa referencia a Júlia, Álvaro toca a música que fez para a sua paixão no seu trompete e deixa a mulher furiosa com o barulho. Edgar liga para o numero da chamada não atendida feita para o seu telemóvel e quem atende é Alice que já vem a descer as escadas da pensão de roupão vestido. Edgar estranha mas Alice disfarça dizendo que foi Xana quem lhe deu o número dele e que apenas pretendia falar com ele sobre Rafa sobre uma situação que já está tratada. Alice fica muito confusa com a situação e a pensar porque é que Emília tem o número de telemóvel de Edgar. Teresa conta a Sofia que andou a anunciar que estava grávida a todos os amigos que estavam no lançamento do livro de Álvaro, sempre acompanhada por Guilherme. Teresa acredita que Alice não vai continuar a aguentar a pressão e que dentro em breve deixará Guilherme para ela. Artur apresenta Tatiana como fadista residente. O proprietário do Vadio está muito contente mas a mulher não morre de amores por Tatiana e desconfia das digressões que ela diz que faz. Sidónio e Valdemar estão completamente viciados no chat dos namoros. Valdemar encontra uma cibernauta que se chama "pomba branca" e que parece ter um gosto semelhante ao da mulher Celeste. Xana tenta perceber o que se passa com Alice que está muito pensativa mas ela disfarça com receio de contar à amiga que um dos números que tirou do telemóvel de Emília é de Edgar. Sara, cheira o casaco do marido e estranha o cheiro e por isso pergunta-lhe se saiu à noite. Francisco diz-lhe que o cliente era tão difícil que voltou a fumar. Ela aceita a desculpa e ele respira de alívio. No entanto, Sara insiste para que ele esteja mais tempo em casa. Susana também acorda bem-disposta e Daniela volta a avisá-la do perigo de andar com um homem casado. Susana diz-lhe que os casamentos não duram para sempre, não conhecendo a real situação de Francisco. Guilherme agradece ao pai a dedicatória que lhe fez no livro e Álvaro diz-lhe que apesar do distanciamento nunca deve duvidar que ele gosta dele. Alice quer saber como está a relação de Edgar com Xana e ela estranha o interesse e também a embirração que ela tem com o rapaz. Mas Alice não lhe conta nada e disfarça. Regina está a pensar em por um anúncio no jornal para arranjar um pai para o filho que pretende ter de produção independente, mas tem alguma dificuldade em encontrar o texto certo. Alice tenta meter conversa com Emília por causa dos roubos às ourivesarias mas Emília não dá troco sobretudo quando ela pergunta o que fazem ao ouro roubado. Teresa prepara-se para voltar a provocar Alice. Desta feita revela à amiga Sofia que vai à empresa de Guilherme para negociar o mecenato com o lar. Francisco repreende Susana por estar sempre a ir ao gabinete dele. Diz-lhe que Cecília pode desconfiar e lançar algum mexerico que chegue aos ouvidos de Sara. Cecília pergunta a Francisco onde esteve porque a mulher ligou à procura dele e estranha porque normalmente ele costuma mentir para estar com ela. Cecília pergunta-lhe se por acaso mentiu para estar com outra. Francisco fica irritado e depois de olhar para a foto da família agarra no casaco e sai do escritório. Teresa vai à loja de jóias e antes de pedir para falar com Guilherme pede à empregada para continuar atenta aos passos do patrão e da secretária como combinaram e avisa-la de tudo. Quando Alice e Guilherme se preparam para sair, Teresa entra pedindo para falar com ele sobre o mecenato ao lar. Guilherme reencaminha-a para a mãe mas Teresa insiste em que seja ele a tratar do assunto. MAIS INFOOs Nossos Dias É mais do que uma história de vingança. Uma luta constante pela verdade e justiça. Um jogo onde ninguém pode confiar em ninguém. "Os Nossos Dias" é uma novela, que espelha a realidade contemporânea portuguesa. Uma história
emocionante e humana da busca pela verdade.
Alice tinha dois anos quando foi deixada à porta de um orfanato, "O Berço da Esperança". Nunca se descobriu a origem daquela menina nem qualquer indício do seu passado. A única pista sobre a família biológica de Alice é um fio com um medalhão, que ela trazia ao pescoço quando foi abandonada. No início da série, Alice está entre a espada e a parede: ou regulariza a situação com o senhorio até ao final do dia ou terá
de abandonar o apartamento. Desesperada, Alice percebe que não lhe resta outra solução que não seja empenhar o medalhão de ouro, a única ligação que tem à sua família biológica e, em particular, à mãe. Antes sequer que possa concretizar a ideia, Alice sofre um assalto por esticão e perde seu bem mais valioso: o fio e o medalhão? que acabam por ir parar às mãos erradas. É Emília Castilho quem o encontra, mais tarde, e que, ao abrir o medalhão e ver a fotografia que ele contém, dá de caras com a mulher e a criança que mandou assassinar há 23 anos. Emília chama Amadeu, o homem com quem sempre trabalhou, e exige-lhe uma explicação. Pressionado e angustiado, Amadeu acaba por confessar que não teve coragem de matar a criança. Emília, que parece não ter quaisquer constrangimentos morais, ordena-lhe que termine o serviço e volta a ameaçar Amadeu. Ou ele descobre o paradeiro daquela rapariga (Alice) e acaba com a vida dela ou ela manda matar o neto de Amadeu, o pequeno Rafael, de 7 anos. Amadeu sempre acolheu e cuidou de Alice e Xana, a melhor amiga de Alice, trata-as como se de duas filhas se tratassem. Depois de ter morto Júlia, Amadeu continuou a ter um contacto regular com Alice, por remorsos e compaixão. Ao mesmo tempo que Emília faz o ultimato a Amadeu, Alice muda-se para a pensão deste. Amadeu passa a ser um homem assombrado, hesitando sobre o que fazer. Quando descobre que tem uma doença terminal, Amadeu decide que lhe irá dizer a verdade: conta-lhe que Emília é a responsável pela morte de Júlia e que foi ele quem a matou. Sedenta de vingança, Alice procura e consegue a oportunidade de ir trabalhar para a grande cadeia de joalharias de Emília, tornando-se no braço direito da mulher de quem se quer vingar.
O que Alice não contava era apaixonar-se por Guilherme, o filho de Emília Castilho e noivo da sua antiga rival, Teresa Colaço.
Alice nunca perde o seu desejo de vingança a Emília e Guilherme é o seu calcanhar de Aquiles: tem medo de fraquejar por amor a ele. Nesta história, existem ainda outros núcleos, como as personagens que vivem na residencial de Amadeu, os criativos que trabalham na Agência de Publicidade, a Joalharia da família Castilho, passando pelo orfanato onde Alice cresceu e pelos núcleos cómicos como a Casa de Fados e a Empresa de Táxis, acabando nas famílias Colaço e Ribeiro que fazem parte do enredo da família Castilho. Uma novela cheia de emoções, que retrata a vida portuguesa como ela é. A história das personagens permite acompanhar a luta diária de pessoas comuns, num registo dramático ou cómico, tudo fazem para superar as adversidades da vida.

Play - Os Nossos Dias
Género: Ficção Class.: 10AP RTP1

É mais do que uma história de vingança. Uma luta constante pela verdade e justiça. Um jogo onde ninguém pode confiar em ninguém
"Os Nossos Dias" é uma novela, que espelha a realidade contemporânea portuguesa. Uma história
emocionante e humana da busca pela verdade.
Alice tinha dois anos quando foi deixada à porta de um orfanato, "O Berço da Esperança". Nunca se descobriu a origem daquela menina nem qualquer indício do seu passado. A única pista sobre a família biológica de Alice é um fio com um medalhão, que ela trazia ao pescoço quando foi abandonada. No início da série, Alice está entre a espada e a parede: ou regulariza a situação com o senhorio até ao final do dia ou terá
de abandonar o apartamento. Desesperada, Alice percebe que não lhe resta outra solução que não seja empenhar o medalhão de ouro, a única ligação que tem à sua família biológica e, em particular, à mãe. Antes sequer que possa concretizar a ideia, Alice sofre um assalto por esticão e perde seu bem mais valioso: o fio e o medalhão? que acabam por ir parar às mãos erradas. É Emília Castilho quem o encontra, mais tarde, e que, ao abrir o medalhão e ver a fotografia que ele contém, dá de caras com a mulher e a criança que mandou assassinar há 23 anos. Emília chama Amadeu, o homem com quem sempre trabalhou, e exige-lhe uma explicação. Pressionado e angustiado, Amadeu acaba por confessar que não teve coragem de matar a criança. Emília, que parece não ter quaisquer constrangimentos morais, ordena-lhe que termine o serviço e volta a ameaçar Amadeu. Ou ele descobre o paradeiro daquela rapariga (Alice) e acaba com a vida dela ou ela manda matar o neto de Amadeu, o pequeno Rafael, de 7 anos. Amadeu sempre acolheu e cuidou de Alice e Xana, a melhor amiga de Alice, trata-as como se de duas filhas se tratassem. Depois de ter morto Júlia, Amadeu continuou a ter um contacto regular com Alice, por remorsos e compaixão. Ao mesmo tempo que Emília faz o ultimato a Amadeu, Alice muda-se para a pensão deste. Amadeu passa a ser um homem assombrado, hesitando sobre o que fazer. Quando descobre que tem uma doença terminal, Amadeu decide que lhe irá dizer a verdade: conta-lhe que Emília é a responsável pela morte de Júlia e que foi ele quem a matou. Sedenta de vingança, Alice procura e consegue a oportunidade de ir trabalhar para a grande cadeia de joalharias de Emília, tornando-se no braço direito da mulher de quem se quer vingar.
O que Alice não contava era apaixonar-se por Guilherme, o filho de Emília Castilho e noivo da sua antiga rival, Teresa Colaço.
Alice nunca perde o seu desejo de vingança a Emília e Guilherme é o seu calcanhar de Aquiles: tem medo de fraquejar por amor a ele. Nesta história, existem ainda outros núcleos, como as personagens que vivem na residencial de Amadeu, os criativos que trabalham na Agência de Publicidade, a Joalharia da família Castilho, passando pelo orfanato onde Alice cresceu e pelos núcleos cómicos como a Casa de Fados e a Empresa de Táxis, acabando nas famílias Colaço e Ribeiro que fazem parte do enredo da família Castilho. Uma novela cheia de emoções, que retrata a vida portuguesa como ela é. A história das personagens permite acompanhar a luta diária de pessoas comuns, num registo dramático ou cómico, tudo fazem para superar as adversidades da vida.

duração total 40min
posição atual:
ir para o minuto:

Instale a aplicação RTP Play

Disponível para iOS, Android, Apple TV, Android TV e CarPlay