Posição Corrente: minutos e segundos
Ir para o Minuto:
Play - Circo Paraíso

Circo Paraíso (I)

24 Out, 2018 | Episódio 7

Filipe procura a gruta com Emílio e Renato, mas não a encontra.
No Circo, toda a cooperativa está a almoçar, quando é atacada por um enxame de abelhas. Telmo denuncia o ataque de abelhas à polícia, dizendo que os culpados são os habitantes da aldeia.
Marta e Jasmim encontram Lídia dentro do poço e Jasmim corre até ao acampamento do Circo para pedir ajuda a Emílio. Enquanto isso, Miguel continua a vigiar o raptor de Jasmim, sem saber o que se passa na vila.
À noite, Lídia já está em casa, a salvo, e Jasmim conta a Marta que tirou uma foto do Vulto e que tem vindo a receber chamadas de números anónimos.
Dionísio e Joel visitam o apicultor mais próximo da Vila das Flores e este conta-lhe que foi roubado. Na mata, Dionísio encontra o carro que atropelou Jonas e, no chão um papel com um número de telefone. Ao ligar para o número, descobre que é de Jasmim. Juntos na esquadra, Lídia aproveita para dizer que foi empurrada para o poço. Dionísio volta à casa do apicultor e pede filmagens da câmara de segurança. Nas gravações o Vulto aparece. O apicultor confessa que este lhes pagou para levar as abelhas.
No Circo, Daniel diverte-se com Carlos e Filipe, mas um acidente com um martelo revela que Daniel perdeu parte da perna no acidente.
Luís depara-se com outro animal morto e Domingos manda chamar a polícia, dizendo que já se queixou ao superior de Dionísio. Domingos mostra uma fotografia de Emílio na sua propriedade, para o incriminar.
Domingos vai ter com Manuela para a chantagear novamente, de forma a que ela diga à polícia que viu Emílio envenenar o gado. Domingos recorda-a do dia do acidente, que teve com o filho, e como tudo aconteceu por culpa dela.
Dionísio investiga o Circo e Regina tem uma visão com o Vulto, quando Joel passa por si. A polícia descobre o material de garimpo. Uma pequena aldeia do nosso país, pacata e rural, é surpreendida pela chegada de um circo: o Circo Paraíso. Com ele, chegam malabaristas, acrobatas, palhaços, trapezistas, contorcionistas, dançarinas, músicos, ilusionistas, domadores de animais, mas também carrinhos de choque e algodão doce de feira. O entusiasmo inicial de todos começa a ser substituído por apreensão quando percebem que as pessoas do circo são mais estranhas do que aparentavam. Ao mesmo tempo, fenómenos inusitados acontecem: animais desaparecidos, fenómenos naturais adulterados e ainda a aparição de entidades desconhecidas. Na aldeia, o alvoroço está instalado, numa série para toda a família, com mistério e thriller, mas também com aventura e alguma dose de comédia.