A Morte de Abel Veríssimo

21 Abr. 2022

Em 1860, nas margens do Mar de Mármara, à vista da Tróia de Aquiles e Heitor, Abel C. Veríssimo decide voltar a casa, de onde foi expulso oito anos antes. Abel regressa a uma casa em ruínas, onde todos o esperam para continuar a obra do seu pai. Uma família inteira, num Portugal profundo e longe da Europa, onde ser, como se era na verdade, era apenas uma mentira para os mais afortunados. Um herói romântico, na tradição de Goethe ou Garrett, que tenta ser o melhor de dois mundos e que nunca triunfa, que tenta uma superação improvável, que já nasce morta, na ideia de uma possível felicidade. Vivemos, assim, durante duas décadas, a narração de um homem dividido entre o amor aos homens e o amor a Deus, entre a morte do pai e o futuro de uma casa já em ruínas.

Play - A Morte de Abel Veríssimo
2h 16m

TEXTO E ENCENAÇÃO
Pedro Saavedra

INTERPRETAÇÃO
Ana Vilela da Costa, Eduardo Molina, Mário Coelho, Mário Redondo, Miguel Ponte e Teresa Vaz

DESIGN DE CENA
Surumaki

DESENHO DE LUZ
Paulo Sabino

FOTOGRAFIA
Andreia Mayer

ILUSTRAÇÃO
Rui Guerra

FIGURINOS
Cláudia Ribeiro

MÚSICA
Fred

SONOPLASTIA
Rui Miguel

VÍDEO DROID-i.d.

ASSISTÊNCIA DE ENCENAÇÃO
Rafael Fonseca

EXECUÇÃO DE CENOGRAFIA
Tigre de Fogo

EXECUÇÃO DE FIGURINOS
Marlene Rodriguez

O FIM DO TEATRO, OF.DT 3.ª Criação
Patrícia Roque, Pedro Saavedra, Rafael Fonseca e Sónia Rodrigue

PROJECTO FINANCIADO pela República Portuguesa ? Cultura / DGArtes

COM O APOIO da Câmara Municipal de Lisboa ? Fundo de Emergência Social ? Cultura

APOIOS
Dizplay, Escola de Mulheres ? Oficina de Teatro, Histórias Paralelas, Lameirinho e Largo Residências

MEDIA PARTNER
Radar 97.8 fm

duração total 2h 16m
posição atual:
ir para o minuto:

RTP Palco | Um serviço RTP Play

Instale a aplicação RTP Palco

Disponível para iOS e Android.

", ?>