Toni. Prioridade do Benfica deve ser o campeonato

por Antena 1

O Benfica defronta o Lyon, esta quarta-feira, no Estádio da Luz, a partir das 20h00, em jogo da 3.ª jornada do Grupo G da fase de grupos da Liga dos Campeões. O antigo capitão e treinador da equipa encarnada é frontal e na Antena 1 afirma que a prioridade da equipa deve ser o campeonato e só depois da Liga dos Campeões.

Nesta altura o Benfica ocupa o último lugar do grupo ainda sem qualquer ponto. À sua frente estão o Leipzig com três pontos, Lyon e Zenit com quatro cada.

Toni recordou palavras recentes de Lionel Messi em que este dizia que a prioridade do Barcelona era o campeonato e só depois a “Champions”. O carismático benfiquista está de acordo.

O antigo capitão é da opinião que o Benfica deve partir para cada época com as prioridades definidas: “1.º o campeonato, depois a Taça de Portugal e a Taça da Liga e por fim chegar o mais longe possível na Liga dos Campeões”.

Ao fazer a antevisão do jogo com a equipa francesa o antigo futebolista começou por constatar que esta época tem visto dois benficas: “um sub-Benfica na ‘champions’ e um autoritário no campeonato”.

Toni lembrou que o Lyon é uma formação capaz de criar problemas à equipa encarnada mas dá a receita para a equipa chegar ao êxito: “o Benfica joga neste desafio o tudo ou nada na competição e por isso tem de ter uma boa atitude e boa organização”.

Como recordar é viver, em declarações ao jornalista Nuno Matos, realçou que na década de 60 do século passado o Benfica chegou a cinco finais europeias, ganhou duas taças dos campeões e houve jogadores que fizeram as cinco finais e ao fazer a ponte para a atualidade frisou: “Hoje era impossível porque nenhum jogador, salvo raras exceções, cumpre uma década ao serviço do mesmo clube” e isso afeta a estabilidade do coletivo.

Os dados estão lançados o jogo será arbitrado pelo eslovaco Ivan Kruzliak e terá relato na Antena 1 com o jornalista Nuno Matos, a reportagem de David Carvalho e os comentários de José Nunes.