Hugo Lloris condenado por conduzir sob o efeito do álcool

| Desporto
Hugo Lloris condenado por conduzir sob o efeito do álcool

A ver: Hugo Lloris condenado por conduzir sob o efeito do álcool

O guarda-redes do Tottenham, Hugo Lloris, declarou-se culpado em tribunal por conduzir sob o efeito de álcool. Foi, por isso, condenado a pagar uma multa de 56 mil euros e proibido de conduzir durante 20 meses.

O internacional francês tinha o dobro do limite estabelecido por lei em Inglaterra, quando foi intercetado pela polícia, no centro de Londres, a 24 de agosto.

Uma operação de rotina parou o guardião dos Spurs que, para além da multa, passou algumas horas numa cela.

A informação mais vista

+ Em Foco

O Conselho Europeu informal de Salzburgo tem em cima da mesa dossiers sensíveis, com a imigração e o Brexit no topo da agenda. A RTP preparou um conjunto de reportagens especiais sobre esta cimeira.

    Nas eleições primárias, alguns dos mais conceituados senadores democratas foram vencidos por candidatos mais jovens, progressistas e, alguns deles, socialistas.

      Em 1995, dois estudantes desenvolveram um motor de pesquisa. Dois anos depois, Andy Bechtolsheim passou um cheque no valor de 100 mil dólares. Nesse dia, fez-se história: a Google nasceu.

        Os novos desenvolvimentos no diferendo comercial entre os Estados Unidos e a China vieram lançar ainda mais dúvidas sobre os próximos passos que os dois lados poderão adotar.