Atlético de Madrid perde nos descontos e fica mais longe do FC Barcelona

| Futebol Internacional

Legenda da Imagem
|

O Atlético de Madrid perdeu em casa do Villarreal por 2-1, com o golo da vitória a ser marcado nos descontos, na 29.ª jornada da Liga espanhola de futebol, e ficou mais longe da liderança.

Um 'bis' do turco Unal, aos 82 e aos 90+1, anulou o tento inicial de Griezmann, aos 20, de grande penalidade, e deixou o 'Atleti', adversário do Sporting nos quartos de final da Liga Europa, a 11 pontos do primeiro lugar, depois de o FC Barcelona ter vencido em casa o Athletic de Bilbau (2-0).

Já o Villarreal subiu ao quinto lugar, aproveitando a derrota do Sevilha no campo do Leganés (2-1), com 47 pontos, mais dois que a formação andaluz.

A primeira parte do encontro foi equilibrada, mas pertenceram à formação de Diego Simeone as melhores oportunidades de golo, com Griezmann a converter um castigo máximo depois de uma falta que tinha sofrido, inaugurando o marcador.

Pouco depois, Koke atirou ao poste, a passe de Vrsaljko, com os 'colchoneros' à procura de um segundo golo para se protegerem da reação da equipa da casa.

No segundo tempo, o 'submarino amarelo' surgiu melhor e foi-se aproximando da baliza do esloveno Oblak, mas os golos só surgiram nos últimos 10 minutos de jogo.

Primeiro, numa jogada de insistência após um pontapé de canto, um cruzamento de Álvaro González encontrou a cabeça de Enes Unal, que empatou aos 82.

Aos 90+1, o avançado turco 'bisou' no encontro ao emendar um remate do italiano Bonera para o fundo da baliza, e 'condenou' os 'colchoneros' à derrota, havendo ainda tempo para a expulsão de Vitolo, que viu o vermelho direto por empurrar Sansone numa disputa de bola.

Além de se afastar do topo, o Atlético de Madrid viu ainda o Valência aproximar-se, com a vitória de sábado frente ao Alavés (3-1), e pode ver o rival Real Madrid ficar a quatro pontos se hoje vencer o Girona (19:45).

Em Vigo, o Celta não foi além de um empate sem golos na receção ao lanterna-vermelha, o Málaga, continuando no 10.º posto, a seis pontos do sexto classificado, o último dos lugares de acesso às competições europeias.

Antes, o FC Barcelona, com André Gomes a entrar aos 85, reforçou a liderança de 'La Liga' com uma vitória por 2-0 frente ao Athletic de Bilbau, com golos de Paco Alcácer, aos oito minutos, e do argentino Lionel Messi, aos 30, que fez o 25.º golo no campeonato.

Com este triunfo, o 'onze' de Ernesto Valverde, o único invicto nas principais ligas europeias (23 vitórias e seis empates), passou a somar 75 pontos, mais 11 do que o Atlético de Madrid e 16 face ao Real Madrid. O Athletic é 13.º, com 35.

No primeiro encontro do dia, o Leganés complicou as contas europeias do Sevilha, que terça-feira atingiu os quartos de final da Liga dos Campeões, ao bater em casa os andaluzes por 2-1.

Unai Bustinza, aos 41 minutos, e Javier Eraso, aos 69, apontaram os tentos dos anfitriões, com o mexicano Miguel Layún, emprestado pelo FC Porto, a fazer aos 90 minutos o tento dos visitantes.

Com este desaire, o Sevilha caiu para o sexto posto, ultrapassado pelo Villarreal, e pode ainda perder o último lugar de acesso à Europa caso o Girona vença ainda hoje.

A informação mais vista

+ Em Foco

Em 9 de abril de 1918, a ofensiva alemã varre a resistência portuguesa. O dossier que se segue lança um olhar sobre o antes, o durante e o depois.

    Em Cuba, os Castro passam o testemunho do poder, que mantiveram durante quase 60 anos.

    Porto Santo tem em curso um projeto para se transformar na primeira ilha do planeta livre de combustíveis fósseis.

    Uma caricatura do mundo em que vivemos.