"Champions". FC Barcelona e Atlético de Madrid defendem

por Mário Aleixo - RTP
Oito equipas ainda a sonhar com a conquista da "orelhuda" Murad Sezer - Reuters

O FC Barcelona e Atlético de Madrid defendem vantagens mínimas frente a Paris Saint-Germain e Borussia Dortmund, respetivamente, na segunda mão dos "quartos" da Liga dos Campeões em futebol, enquanto Manchester City-Real Madrid e Bayern Munique-Arsenal estão empatados.

Os catalães, que contam com os portugueses João Cancelo e João Félix e que já venceram a "Champions" por cinco vezes, conseguiram vencer em França, por 3-2, num jogo com várias alterações no rumo do marcador, e vão procurar esta terça-feira, em Barcelona, garantir uma vaga nas meias-finais.

Do outro lado vai estar um Paris Saint-Germain liderado por Kylian Mbappé, e que conta com os lusos Danilo, Nuno Mendes, Vitinha e Gonçalo Ramos, que nunca venceu a "Champions" e que tem de dar a volta à eliminatória fora de casa para continuar em prova.

Também esta terça-feira, o Atlético de Madrid visita os alemães do Borussia Dortmund em vantagem na eliminatória, depois do triunfo por 2-1 em casa.

O Atlético já foi finalista por três vezes, em 1973/74 (ainda na antiga Taça dos Campeões Europeus), 2013/14 e 2015/16, mas nunca venceu, enquanto o Dortmund conquistou o cetro em 1996/97.

Manchester e Munique a "arder"

Já na quarta-feira vai decidir-se aquele que é o embate mais mediático dos quartos de final, entre o atual campeão europeu Manchester City e o recordista de troféus Real Madrid, depois de a primeira mão ter terminado com um empate 3-3, num jogo frenético.

O City, de Rúben Dias, Bernardo Silva e Matheus Nunes, tem a vantagem de disputar o jogo decisivo em casa, mas os "merengues", que somam 14 cetros, nunca podem ser descartados na Liga dos Campeões.

O jogo que vai decidir o outro semifinalista vai disputar-se em Munique, com o Bayern, que perdeu o título alemão para o Bayer Leverkusen, após 11 triunfos seguidos, a receber os ingleses do Arsenal, depois do empate 2-2 na primeira mão, em Londres.

O Bayern Munique, de Raphaël Guerreiro, já venceu a competição por seis vezes e vai procurar utilizar a vantagem de jogar em casa para chegar às meias-finais, frente ao Arsenal, de Fábio Vieira e Cedric Soares, que foi finalista em 2005/06, mas também nunca venceu a prova.
pub