Euro feminino: Inglaterra sagra-se campeã pela primeira vez ao vencer a Alemanha

por RTP
Reuters

A Inglaterra sagrou-se hoje campeã europeia de futebol feminino pela primeira vez, ao derrotar a Alemanha por 2-1, após prolongamento, na final da 13.ª edição do Campeonato da Europa, disputada no estádio de Wembley, em Londres.

Na ‘catedral’ de Wembley, Ella Toone inaugurou o marcador para as inglesas, aos 62 minutos, com Lina Magull a empatar ao minuto 79, ‘forçando’ o prolongamento, no qual Chloe Kelly, aos 110, marcou o golo que valeu o título à seleção da casa.

A Inglaterra, duas vezes finalista vencida, tornou-se assim a quinta seleção a vencer o Europeu feminino, contrariando o favoritismo de Alemanha, vencedora por oito vezes da competição e até hoje invencível nas finais que disputou.

Wembley recebe recorde de adeptos à final feminina do Euro 2022
A final do Campeonato Europeu Feminino entre Inglaterra e Alemanha estabeleceu um recorde.

Assistiram a este jogo 87.192 pessoas no Estádio de Wembley, batendo o total mais elevado registado tanto nas edições masculinas como nas femininas do torneio.

O recorde anterior de presenças num Europeu feminino foi quando 68.871 fãs estiveram nas bancadas de Old Trafford para ver a anfitriã Inglaterra enfrentar a Áustria no jogo de abertura do torneio, no início deste mês.

O recorde para um jogo masculino foi em 1964, quando 79.115 adeptos assistiram à final entre a anfitriã Espanha e a União Soviética no Santiago Bernabeu, em Madrid.

Tendo a final masculina do ano passado entre Inglaterra e Itália em Wembley uma capacidade reduzida de 67.000 espectadores, devido à pandemia da COVID-19.


pub