Ronaldo conquista a quinta Bola de Ouro da carreira

| Futebol Internacional

Ronaldo recebe mais um prémio de melhor jogador do mundo
|

O internacional português recebeu esta quinta-feira a Bola de Ouro 2017, distinção atribuída pela revista francesa France Football. Com mais um troféu na lista de prémios individuais, Cristiano Ronaldo igualou o número de galardões de Lionel Messi, depois de vencer quatro títulos com o Real Madrid em 2017.

Em Paris, na Torre Eiffel, Cristiano Ronaldo recebeu mais uma vez a distinção de melhor jogador do mundo. A France Football escolheu o internacional português como o melhor deste ano, deixando para trás a concorrência de Lionel Messi e Neymar Jr.

Cristiano Ronaldo recebe assim a quinta Bola de Ouro da carreira, depois de ter sido agraciado com o prémio em 2008, 2013, 2014 e 2016. Ronaldo, que não teve um início de época auspicioso, teve um ano em que venceu vários títulos, juntando-lhes inúmeros golos.


O capitão da seleção portuguesa venceu a Liga Espanhola, título que fugiu há quatro anos do Real Madrid e conquistou também a Supertaça Espanhola, frente ao Barcelona. No plano internacional, destaque para o triunfo na Liga dos Campeões, frente à Juventus, numa final em que marcou dois golos e foi considerado o melhor jogador em campo.

Ronaldo conquistou a quarta Liga dos Campeões da carreira, tendo sido novamente o melhor marcador da liga milionária, e juntou-lhe a Supertaça Europeia, que foi arrebatada ao Manchester United, num triunfo por 2-1.

O número sete dos Merengues juntou aos quatro títulos do ano de 2017 perto de cinco dezenas de golos. Com 49 tentos, Ronaldo ajudou o Real Madrid e ainda bateu alguns recordes pessoais. Esta semana, na Liga dos Campeões, o jogador de 32 anos tornou-se no primeiro atleta de sempre a marcar em todas as jornadas da fase de grupos da Liga dos Campeões.

Por Portugal, o capitão cumpriu com golos e um apuramento para o Mundial de 2018, sem necessidade de play-off. Ronaldo marcou onze golos e está perto de alcançar a marca dos 80 golos com a camisola das quinas.

Na Taça das Confederações, competição em que a Seleção Nacional se estreou, Ronaldo marcou por duas vezes, numa prova em que Portugal terminou em terceiro. Ficou assim igualado o melhor registo português em provas da FIFA, quando em 1966, os Magriços conseguiram o terceiro lugar no Mundial de Inglaterra.

Tópicos:

Bola de Ouro, Portugal, Real Madrid, Ronaldo, Cristiano Ronaldo,

Pesquise por: Bola de Ouro, Portugal, Real Madrid, Ronaldo, Cristiano Ronaldo,

A informação mais vista

+ Em Foco

A Redação da RTP votou sobre as figuras e acontecimentos mais destacados, a nível nacional e internacional. Veja aqui as escolhas.

    O embaixador russo em Lisboa afirma, em entrevista à RTP, que as declarações e decisões de Donald Trump sobre Jerusalém podem incendiar todo o Médio Oriente.

    Rui Rosinha, bombeiro de Castanheira de Pêra, sofreu queimaduras de terceiro grau e esteve dez horas à espera de ser internado. Foi operado 14 vezes e regressou a casa ao fim de seis meses.

    Uma caricatura do mundo em que vivemos.