Arouca vence Académica e "rouba-lhe" terceiro lugar da II Liga

por Mário Aleixo - RTP
O Arouca foi a Coimbra conquistar uma vitória preciosa D.R.-Facebook do Arouca

O Arouca ascendeu ao terceiro lugar da II Liga portuguesa de futebol, que pertencia à Académica, ao vencer os "estudantes" em Coimbra, por 1-0, em encontro da 31.ª jornada da prova.

A equipa orientada por Armando Evangelista somou a sexta vitória consecutiva, enquanto a "briosa", que ao não ganhar promoveu a subida à I Liga do Estoril, voltou a claudicar em casa, onde só venceu por uma vez desde 13 de fevereiro.

Com este resultado, o Arouca soma 56 pontos, menos três do que o Vizela, segundo classificado, e a Académica mantém os 55, caindo para o quinto posto.

O único golo da partida foi apontado logo aos 12 minutos, por Arsénio, que aproveitou uma má reposição de bola do guarda-redes Mika. O extremo do Arouca foi mais rápido do que Dias e atirou fora do alcance do guardião academista.

Só próximo da meia hora de jogo é que os "estudantes" começaram a pressionar o último reduto do adversário, primeiro por Bouldini, aos 26 minutos, num remate de fora de área, desviado pela linha final pelo guarda-redes Victor Braga.

Aos 32 minutos, o avançado marroquino da Académica não chegou a uma bola que o deixava isolado e, seis minutos depois, Mike, isolado na área, dominou mal o esférico, que sobrou para o guarda-redes do Arouca.

Ainda antes do intervalo, aos 41 minutos, Bouldini conseguiu isolar-se, mas, quando fletiu para o meio da área, o remate bateu nas pernas de um adversário e a recarga também.

A segunda metade começou logo com uma jogada perigosa do Arouca, mas, a partir daí, foi a Académica a mandar no jogo até praticamente ao final.

Aos 50 minutos, um cruzamento da esquerda da "briosa" quase dava autogolo, com um desvio de Velasquez que levou a bola a passar por cima da trave da sua baliza.

Os "estudantes" atacavam mais e Bouldini, aos 68 minutos, cabeceou por cima.

Mais tarde, aos 80 minutos, Dias teve nos pés o empate, mas o remate saiu mal e a bola passou ao lado poste, na sequência de um pontapé de canto cobrado na esquerda.

Já em tempo de desconto, Adílio quase fazia o segundo golo do Arouca, numa jogada de contra-ataque, mas o remate saiu ligeiramente ao lado.
pub