Coates leva Alvalade ao rubro ao levantar taça do 20º título de campeão

por Lusa
Foto: Rodrigo Antunes - Lusa

O capitão do Sporting, o uruguaio Sebastián Coates, levantou este sábado a taça de campeão português de futebol, a 20.ª dos leões, que foi entregue no centro do relvado e levou os adeptos presentes em Alvalade ao rubro.

O Sporting sagrou-se campeão `no sofá` no passado dia 05 de maio, depois de o Benfica perder em Famalicão, por 2-0.

Como tinha recebido na véspera o Portimonense (vitória, por 3-0) na 32ª jornada, e na ronda seguinte jogou no Estoril (triunfo por 1-0), o troféu acabou por ser entregue hoje, depois do triunfo frente ao Desportivo de Chaves (3-0), com Gyökeres, por duas ocasiões, e Paulinho a marcarem os golos.

A festa, essa, começou a ser feita ainda antes do jogo começar. A equipa flaviense fez a guarda de honra para os jogadores do Sporting entrarem para o relvado do Estádio José Alvalade e, enquanto isso, o público cantou em uníssono a `Marcha do Sporting`, imortalizada por Maria José Valério.

Durante o jogo, os 48.628 espetadores, que várias vezes gritaram "o campeão voltou", renderam-se a Neto, que hoje representou pela última vez o Sporting, quando este foi substituído, aos 59 minutos, por St. Juste.

Como seria de esperar, os festejos atingiram o ponto alto depois do apito final do árbitro portuense Manuel Oliveira.

Antes de receberem o troféu, os campeões nacionais ficaram no relvado, atiraram para a bancada bolas verdes autografadas por todo o plantel, enquanto o palco estava a ser montado.

Enquanto aguardavam pela consagração, os adeptos puderam visionar um vídeo de despedida do guarda-redes Antonio Adán, que, à semelhança de Neto (também teve direito a vídeo), não irá permanecer no Sporting na próxima temporada e que receberam troféus de agradecimento por parte do presidente Frederico Varandas.

O troféu entrou para o relvado pelas mãos do embaixador da Liga de clubes e antigo jogador e ex-guarda-redes do Sporting Nélson Pereira.

Como habitualmente nestas circunstâncias, o presidente da Liga de clubes, Pedro Proença, entregou as medalhas aos jogadores e elementos do `staff` do Sporting, com o técnico Rúben Amorim e o capitão Coates a serem calorosamente ovacionados pelo público.

Depois de os campeões estarem devidamente perfilados, Pedro Proença entregou a taça a Coates e o capitão elevou o troféu bem alto, junto dos restantes companheiros de equipa.

Os mais de 48 mil espetadores não arredaram pé, mantiveram-se em festa mesmo depois da saída dos jogadores do relvado.

Tópicos
pub