Em direto
Suíça – Alemanha. Assista na RTP ao jogo que define o vencedor do Grupo A

Vítor Campelos desvaloriza fraquezas do Benfica e quer Gil Vicente "ao melhor nível"

por Lusa
RTP

O treinador do Gil Vicente desvalorizou eventuais debilidades do Benfica neste arranque da I Liga de futebol, assumindo que a sua equipa "tem estar ao melhor nível" para ambicionar vencer o duelo deste sábado com as `águias`.

"O Benfica é sempre forte, e, seja qual for o momento da época, está sempre a lutar para ser campeão. Mesmo tendo entrado com um resultado menos bom na primeira jornada [derrota com Boavista, por 3-2], sabemos que só um Gil Vicente no seu melhor nível é que poderá tentar conquistar os três pontos", disse Vítor Campelos, na antevisão a este jogo da terceira jornada do campeonato.

O técnico da formação barcelense classificou, por isso, esta partida de "elevado grau de dificuldade" e, apesar de reconhecer que o plantel "ainda está em reconstrução com a chegada de novos jogadores", garante, que, aos poucos, o Gil Vicente "está a trabalhar bem e a consolidar-se".

"Sabemos do valor do nosso adversário, e temos muito respeito, mas estaremos preparados para fazer um bom jogo. Queremos demonstrar a qualidade que temos no nosso plantel, e, com o apoio do nosso público, queremos ficar com os três pontos", complementou Vítor Campelos.

Na época passada, o técnico, quando orientava o Desportivo de Chaves, conseguiu derrotar o Benfica [1-0], em casa, então na jornada 28 da I Liga, algo que Campelos assume "gostaria de repetir".

"Sabemos que o Benfica, nesta altura, mantém quase o mesmo `onze`, com exceção do Grimaldo e do Gonçalo Ramos. É uma equipa forte, que mexeu pouco, e já está a trabalhar há mais tempo que nós. Mas tento fazer acreditar os nossos jogadores que podemos vencer qualquer adversário se confiarmos nas nossas capacidades", disse o treinador gilista.

Questionado se o `episódio` do afastamento do guarda-redes do Benfica, Vlachodimos, e a entrega da titularidade da baliza a Samuel Soares poderá causar alguma instabilidade no adversário que o Gil Vicente possa aproveitar, Vítor Campelos analisa a situação de forma pragmática.

"Qualquer guarda-redes que esteja no plantel do Benfica tem de ter qualidade. Nestes casos, quando entra um atleta menos utilizado, até acontece de se superar para mostrar argumentos. Temos é de estar focados em fazer o nosso jogo", disse o treinador.

Os `galos` entraram de forma `eufórica` no campeonato, com uma goleada [5-0] sobre o Portimonense, em casa, mas, na jornada seguinte, perderam, com uma reviravolta, frente ao Vitória de Guimarães [2-1].

"Temos de ter os pés bem assentes na terra e saber que o objetivo é consolidar o clube na I Liga. Claro que queremos ganhar os jogos todos, mas não podemos estar em bicos de pés com as vitórias nem em depressão com as derrotas. Isto é uma longa maratona, e temos de ser consistentes", vincou Vítor Campelos.

Para esta receção ao campeão nacional, o treinador não pode contar com os avançados, lesionados, Murilo e Ali Alipour, e ainda não deve utilizar o reforço Félix Correia, emprestado pela Juventus, que chegou, na quinta-feira, a Barcelos.

A partida entre Gil Vicente e Benfica, que tem já lotação esgotada, hoje anunciada nas bilheteiras do estádio Cidade de Barcelos, está agendada para as 20:30, e terá arbitragem de João Pinheiro, da Associação de Futebol de Braga.

 

 

Tópicos
pub