Vitória de Guimarães denuncia venda de bilhetes da final da Taça acima do preço

| Futebol Nacional

Legenda da Imagem
|

O Vitória de Guimarães revelou hoje que denunciou "supostos sócios" do clube por venderem bilhetes para a final da Taça de Portugal de futebol, ante o Benfica, a 28 de maio, acima do preço a que os compraram.

"O Vitória Sport Clube apresentou queixa junto das autoridades competentes e irá desencadear as acções necessárias e que os estatutos do Vitória Sport Clube prevêm", lê-se na nota assinada pela direção do emblema da I Liga portuguesa de futebol e publicada no sítio oficial.

Os vimaranenses afirmam que os "supostos sócios" foram "identificados em 'sites' de vendas online a venderem o ingresso para o encontro marcado para o Estádio Nacional, em Oeiras, por valores muito superiores ao valor nominal".

A venda de bilhetes por parte do clube minhoto, com preços de 20, 27,5 e 35 euros, decorre até sábado, havendo ainda lugar a um sorteio de 200 ingressos para os sócios que fizeram o pré-registo, mas, segundo o critério de antiguidade de filiação, não tiveram direito a bilhete.

Vitória de Guimarães e Benfica disputam a final da Taça de Portugal pelas 17:15 de 28 de maio, reeditando o duelo de 2013, quando os vimaranenses conquistaram o troféu pela primeira vez, ao derrotarem por 2-1 os 'encarnados', vencedores da prova em 25 ocasiões, a última das quais em 2014 - venceram o Rio Ave por 1-0, no jogo decisivo.

A informação mais vista

+ Em Foco

Em 9 de abril de 1918, a ofensiva alemã varre a resistência portuguesa. O dossier que se segue lança um olhar sobre o antes, o durante e o depois.

    Em Cuba, os Castro passam o testemunho do poder, que mantiveram durante quase 60 anos.

    Porto Santo tem em curso um projeto para se transformar na primeira ilha do planeta livre de combustíveis fósseis.

    Uma caricatura do mundo em que vivemos.