Benfica goleia Sporting e conquista Taça da Liga de futsal

| Futsal

Benfica goleou Sporting na final da Taça da Liga
|

O Benfica venceu este domingo o rival Sporting por 5-2, em Sines, e passou a ocupar o ‘trono' da Taça da Liga de futsal, sucedendo aos ‘leões’, que tinham arrebatado as duas primeiras edições.

Frente a uma formação que somava por vitórias os 28 jogos disputados em 2017/18, a equipa da Luz foi sempre a mais prática e eficaz durante a final, chegando a deter uma confortável e retumbante vantagem de 5-0, a cinco minutos do fim.

O ‘clássico' começou com muita emoção e a sensação de golo surgiu junto das duas balizas logo nos segundos iniciais.

O primeiro sinal de perigo foi dado pelo ala ‘leonino’ Pedro Cary, aos dois minutos, mas o remate forte saiu ao lado da baliza defendida pelo seguro Diego Roncaglio.

Mas, seriam as ‘águias' a inaugur o marcador com apenas três minutos cumpridos de jogo. Após roubo de bola, Bruno Coelho rematou de fora da área ao poste e o sempre oportuno Deives marcou na consequente recarga, surpreendendo o guarda-redes Marcão.

Aos 10 minutos, nova oportunidade de golo para o Sporting. A assistência é de Caio Japa, mas o ‘capitão’ João Matos não conseguiu chegar à bola para desfeitear Diego Roncaglio.

O Benfica aumentou a vantagem (2-0) aos 13 minutos, na sequência de um oportuno e certeiro remate de Fernandinho, o último reforço brasileiro dos ‘encarnados".

Os ‘leões’ tentaram chegar ao golo através de lances e remates repentinos do brasileiro Dieguinho, mas sem resultados práticos.

As ‘águias’ acumularam cinco faltas e, com a sexta, cometida sem necessidade por Bruno Coelho a meio campo, aos 18 minutos, ofereceram um livre direto ao Sporting, mas Diogo foi contrariado por Cristiano, que entrou para defender o castigo máximo.

A perder por dois golos, o Sporting entrou com grande agressividade e ousadia atacante no início da segunda parte.

Num jogo disputado em elevado ritmo, Deives falhou o 3-0 na ‘cara’ de Marcão, e, depois, Dieguinho isolou-se e disparou ao lado da baliza ‘encarnada', onde continuou a brilhar Diego Roncaglio.

Sempre a espreitar o contra-ataque, a turma da Luz desperdiçou um golo aos 30 minutos, com o ‘capitão’ Bruno Coelho a isolar-se e a rematar para fora.

Aos 32 minutos, Robinho recuperou uma bola no meio-campo sportinguista e disparou com êxito para o fundo da baliza ‘leonina’ e, no minuto seguinte, foi a vez de Fábio Cecílio fazer o 4-0, num oportuno e eficaz remate de fora, numa altura em que o Sporting jogava já com Merlim como guarda-redes avançado.

O Sporting continuou a jogar no risco e o Benfica a acumular ocasiões de golo de baliza a baliza, até que, aos 36 minutos, Fernandinho ‘bisou’, apontando o quinto dos ‘encarnados’.

Na parte final, e com tudo definido, a formação da Luz ‘facilitou’ e o Sporting marcou dois golos, por Dieguinho e Divanei, mas sem colocar em perigo o triunfo das ‘águias’.

Tópicos:

Futsal, Sporting, Benfica,

Pesquise por: Futsal, Sporting, Benfica,

A informação mais vista

+ Em Foco

O homem que se deixa guiar mais pela racionalidade e disciplina considera que chegou o momento de “mobilizar os portugueses e com eles restabelecer a confiança num futuro melhor”.

    Na hora da despedida da liderança social-democrata, as juventudes partidárias olham para o legado do ex-primeiro-ministro, com uma pergunta em mente: se Portugal não falhou, o que dizer de Pedro Passos Coelho?

      Em entrevista ao programa Visão Global da Antena 1, o ministro dos Negócios Estrangeiros reforça o apoio ao diálogo político na Venezuela e falou sobre as relações entre Portugal e Angola.

      O ministro da Administração Interna garante em entrevista à Antena 1 que não será "nem para o ano, nem daqui por dois" que ser resolve o problema dos incêndios em Portugal.