Albuquerque fecha Asian Le Mans Series em 11.º lugar

por Mário Aleixo - RTP
Filipe Albuquerque e a equipa não foram felizes em Abu Dhabi Facebook de Filipe Albuquerque

O português Filipe Albuquerque (Oreca) foi 11.º classificado em LMP2 na última corrida das Asian Le Mans Series, em Abu Dhabi.

Apesar de sair da "pole position", um problema de caixa de velocidades sentido desde o início da corrida de quatro horas limitou o andamento da equipa de Filipe Albuquerque, que incluía Louis Deletraz e Al Harty Ahmad.

Quando percebemos, logo no início, que estávamos com problemas na caixa de velocidades, percebemos que seria uma missão inglória. No fundo, sobrevivemos toda a corrida para chegar ao final. Tentei ajudar com o que estava ao meu alcance, mas hoje não dependeu de nós. Não tinha de acontecer”, disse o piloto natural de Coimbra.

O Oreca terminou a três voltas da equipa vencedora, a Algarve Pró Racing, sediada no Autódromo Internacional de Portimão.

Espírito Santo campeão em LMP3

Nos LMP3, a segunda categoria mais importante deste campeonato, Manuel Espírito Santo (Ligier) foi o segundo classificado, a uma volta da equipa vencedora, a Bretton Racing, mas o resultado foi suficiente para conquistar o título.

Não foi uma corrida fácil. Tivemos muitas dificuldades com o carro e um erro de estratégia afastou-nos do primeiro lugar. Mas estávamos muito focados em dar à equipa o título nos LMP3 e para isso o segundo lugar foi suficiente. Estão todos muito felizes e eu também por ter podido a ajudar a este desfecho”, explicou.

Em abril arrancam as European Le Mans Series.


pub