Play - Quando os Lobos Uivam
ep. 3 49m

Séries Nacionais

Manuel e Teotónio conversam à luz da fogueira. Falam do Brasil. Falam da recente ameaça aos baldios. Em Arcabuzais, Jorgina está feliz com o regresso do pai. Filomena manifesta o seu descontentamento, tantos anos fora e não traz dinheiro!

No dia seguinte, Manuel Louvadeus mata saudades da serra. Encontra Filomena numa vereda e ali mesmo revivem o passado. Jaime e Teotónio felizes com o regresso de Manuel.

Alguns dias depois, Manuel vem pedir ao pai que o acompanhe à reunião com os engenheiros na Câmara. A reunião está marcada para essa tarde com o povo do concelho para anunciar o projecto do governo. Teotónio mais uma vez recusa-se a sair da serra.
Em Arcabuzais Jorgina recusa a boleia de Fontalva. Receia ser vista com ele.
Na vila, é dia de feira. Juntam-se homens de todas as aldeias na taberna do Nacomba, ponto de encontro antes da reunião, e preparam-se para receber os engenheiros com toda a pompa: muitos deles vêm armados de paus e espingardas. Manuel, adverso à violência, chama Rigoberto para que este os dissuada de levarem consigo as armas.
Por seu lado, Labão preocupado, fala com Montalto, hesita, receia a reacção do povo, mas não quer dar mostras de ter medo.
Chegam os engenheiros. Começa finalmente a reunião. As explicações são breves, fazem-se promessas de desenvolvimento futuro. Chegado o momento, só os notáveis da terra assinam o acordo de cedência dos direitos aos baldios. Intervém o Dr. Rigoberto e fala pelas gentes das aldeias. Procura fazer valer o direito dos povos aos baldios. Os engenheiros tratam com desprezo os velhos sentimentos dos presentes. O progresso vale mil vezes mais do que a tradição. Os ânimos exaltam-se. Rebordão é o mais afoito.

duração total 49m
posição atual:
ir para o minuto:

episódios disponíveis

411586

Instale a aplicação RTP Play

Disponível para iOS, Android, Apple TV, Android TV e CarPlay