Play - Quando os Lobos Uivam
ep. 5 49m

Séries Nacionais

César Fontalva confessa a Jorgina a confusão que lhe vai na alma. Avisa-a dos planos da Guarda para que fale com o pai, para que a população se prepare. No Posto, Montalto mantém a sua ordem: os homens não saem do quartel e não se mostram ao povo até que as máquinas subam a serra para começarem os trabalhos. Quer mantê-los nervosos, ávidos de acção.
Alguns dias depois, já a Pide chegou à vila.
Na serra, Jaime assiste às visitas que os lobos fazem a Teotónio. Espanta-se. Teotónio fala-lhe de S. Francisco de Assis e da irmandade de todas as coisas vivas. Jaime confessa-lhe que gosta muito de Rosa.
João Rebordão assume a liderança da resistência, organiza as pessoas. No sector 1 do projecto, a população esconde-se no mato. Rebordão avança primeiro com um pequeno grupo para ainda tentar dissuadir o engenheiro Streit. Vem pedir que saiam da serra pois aquelas são terras do povo. Rebordão dá o sinal, de todos os lados surgem grupos de homens e mulheres. Vêm armados com alfaias agrícolas e varapaus. Alguns têm caçadeiras. Dão os braços, formam um bloco frente aos invasores dos baldios. A tensão aumenta. Um homem adianta-se, dispara. O engenheiro Streit é atingido, os guardas carregam sobre as pessoas das aldeias. De trás dos rochedos aparece o reforço da Guarda. O conflito é rápido e sangrento.
No sector 2, em Arcabuzais, é o Sargento quem lidera a Guarda. Também aqui os populares fazem frente e impedem a passagem dos tractores.
No sector 1, a brutalidade dos confrontos deixa o seu rasto: morreram dois guardas, uma mulher jaz inerte, há feridos. À falta de Rebordão, a Pide leva a mulher ao posto.

duração total 49m
posição atual:
ir para o minuto:

episódios disponíveis

411586

Instale a aplicação RTP Play

Disponível para iOS, Android, Apple TV, Android TV e CarPlay