Capitão Marco Silva confirma pagamento dos salários em atraso

| Futebol Nacional

|

A direcção do Estoril-Praia confirmou esta sexta-feira a existência de uma parceria que viabilizou a entrega de toda a documentação necessária para a inscrição da equipa de futebol na Liga de Honra da próxima época. 
 

"Conseguimos entregar na Liga toda a documentação necessária, mas agora
teremos de aguardar até à próxima terça-feira  1/8dia em que a Comissão Executiva da Liga irá anunciar quais os clubes que poderão competir em 2009/2010 3/8, para termos uma resposta mais concreta", disse o director-geral da SAD estorilista, Rui Amaro, em declarações à Agência Lusa. 
 
No entanto, o dirigente do Estoril-Praia não revelou o nome do parceiro que possibilitou a inscrição na Liga, reservando um esclarecimento por parte do empresário João Lagos, accionista maioritário da SAD, "para a próxima semana". 
 
Relativamente à constituição do plantel principal da equipa de futebol, que conta com apenas seis jogadores, o director-geral dos "canarinhos" afirmou que, neste momento, não era essa a principal preocupação da direcção. 
 
"É uma situação que já estava preparada, mas só a partir da próxima semana iremos começar a defini-la. Com toda a sinceridade, não temos urgência com isso. O nosso principal objectivo era salvar o Estoril e ainda nem temos a certeza de que isso irá acontecer", referiu. 
 
O facto de a equipa poder partir em desvantagem em relação aos adversários da Liga de Honra, por causa da actual situação que se vive na Amoreira, não preocupa Rui Amaro, porque, diz o dirigente, "o mercado das duas principais Ligas está relativamente parado". 
 

A informação mais vista

+ Em Foco

O presidente da Câmara dos Comuns é, digamos assim, o equivalente ao presidente da Assembleia da República em Portugal.

Neste Manual do Brexit, explicamos em 12 pontos o que está em causa e os cenários que se colocam.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      A entrevista ao ativista de Direitos Humanos para o programa Olhar o Mundo.