Autor de alegados insultos racistas a futebolista Chiquinho impedido de entrar em estádios

por Sandra Henriques - Antena 1

Luís Forra - Lusa

O autor dos alegados insultos racistas dirigidos ao jogador Chiquinho, do Famalicão, foi esta segunda-feira constituído arguido e está impedido de entrar em recintos desportivos, adiantou a Autoridade para a Prevenção e o Combate à Violência no Desporto (APCVD).

"Fruto da colaboração e rápida atuação da PSP, o adepto suspeito foi esta manhã (de segunda-feira) notificado da medida cautelar decretada pela APCVD e da respetiva constituição de arguido em processo contraordenacional", esclarece a nota da APCVD.



Em declarações à Antena 1, o presidente da Autoridade para a Prevenção e o Combate à Violência no Desporto, Rodrigo Cavaleiro, explica que o indivíduo de 53 anos arrisca uma coima entre os 1.750 e os 50 mil euros, bem como uma sanção acessória de não entrar em recintos desportivos por um período até três anos.



Rodrigo Cavaleiro acredita que esta situação pode servir de alerta para a ilegalidade deste tipo de comportamentos racistas.

pub