Última Hora
Euro2024. Portugal sofre mais vence Chéquia por 2-1

Quatro detidos nas imediações do estádio da Real Sociedad

por Mário Aleixo - RTP
Alguns adeptos do Benfica portaram-se mal em Espanha Juan Herrero - Epa

Quatro pessoas, entre os 21 e os 42 anos, foram detidas por distúrbios nas imediações da Arena Reale, em que a Real Sociedad bateu o Benfica (3-1) para a Liga dos Campeões de futebol.

Segundo as autoridades locais, os distúrbios ocorreram pouco antes do apito inicial da partida da quarta jornada do grupo D da Champions, tendo sido detidas quatro pessoas, respetivamente de 21, 26, 32 e 42 anos.

A altercação levou ao arremesso de cadeiras e artefactos pirotécnicos, segundo as autoridades, tendo começado na zona da praça La Armería, junto à Arena Reale.

Já dentro do recinto de jogo, foram deflagradas tochas na zona destinada aos adeptos do Benfica, arremessadas para a zona de fãs "txuri urdin".

Na rede social "X" (antigo Twitter), a Real Sociedad condenou este momento, considerando-o “uma vergonha” e dirigindo-se diretamente a adeptos do clube lisboeta.

Merino (seis minutos), Oyarzabal (11) e Barrenetxea (21) marcaram para os bascos, que ainda desperdiçaram uma grande penalidade, com Rafa (49) a fazer o golo do Benfica, o primeiro dos encarnados na prova.


pub