Daniel Sousa quer Arouca "alerta" frente ao Chaves em "melhor momento da época"

por Lusa
Foto: Paulo Novais - Lusa

O treinador do Arouca, Daniel Sousa, afirmou hoje que quer a sua equipa "em alerta" na deslocação a Chaves, considerando que os flavienses estão "no melhor momento da época", na abertura da jornada 24 da I Liga de futebol.

Apesar da posição delicada em que o Desportivo de Chaves se encontra na tabela classificativa, 17.º posto, em zona de despromoção, o técnico arouquense fez questão de sublinhar a senda mais positiva de resultados do emblema 'azul-grená', que só perdeu duas vezes em 2024.

"É um Chaves que talvez esteja a passar o melhor momento da época. Só perdeu duas vezes este ano, empataram fora com o Braga e estão com um dos melhores marcadores do campeonato [Héctor Hernández, com 12 golos]. Há uma série de fatores aos quais temos de ter atenção e estar em alerta. Será um jogo difícil, eles precisam dos pontos", constatou, em conferência de antevisão à partida.

Quanto à necessidade de reformulação de objetivos, uma vez que o Arouca era último quando Daniel Sousa assumiu o comando técnico (agora é sétimo), e face à inscrição na UEFA para as competições europeias da próxima temporada, avançada pela imprensa, o treinador optou por manter-se cauteloso, apontando para a postura do "jogo a jogo".

"Eu acho que é um processo normal [o licenciamento para as competições europeias], porque a realidade é que conseguimos atingir esta posição na tabela. Para todos os efeitos, a posição na tabela faz com que tenham que ser precavidas todo tipo de situações. Mas a nossa circunstância continua a ser a de ter que ganhar os três pontos. E é essa a exigência que nós passamos sempre, independentemente da posição na tabela, que é volátil", resfriou.

Também de forma precavida, Daniel Sousa recusou assumir favoritismo, visto que todos os jogos têm "histórias particulares", e assumiu que a qualidade do Desportivo de Chaves foi abordada no balneário, até porque "reforçou-se bem em janeiro" e poderá ser um adversário mais difícil do que a classificação indica.

"A nossa série é, de facto, boa. Mas também o Arouca nunca ganhou em Chaves. Normalmente, eu até uso isso ao contrário, porque não presto atenção e são factos que têm a importância que têm. Mas, se for por aí, também posso pegar nisso", lembrou.

Para a convocatória, Daniel Sousa terá Eboué Kouassi de regresso às opções, Vitinho e Matías Rocha estão indisponíveis por lesão, enquanto Mateus Quaresma está em processo de recuperação e, como tal, ainda em dúvida para o encontro.

O Arouca, sétimo classificado da I Liga, com 31 pontos, defronta, a partir das 20:15 de sexta-feira, no Estádio Municipal Engenheiro Manuel Branco Teixeira, o Desportivo de Chaves, 17.º, com 18, em encontro inaugural da 24.ª jornada da I Liga portuguesa, arbitrado por Iancu Vasilica, da associação de Vila Real.
pub