"Champions" de futsal. Sporting e Benfica tentam repetir êxitos

por Mário Aleixo - RTP
Benfica e Sporting anseiam encontrar-se na final da "Champions" D.R.-Isabel Cutileiro-slbenfica

Sporting e Benfica procuram repetir êxitos anteriores na Liga dos Campeões de futsal, numa "final four", disputada em Palma de Maiorca, em que poderá registar-se pela primeira vez uma final 100% portuguesa na principal prova europeia.

Os "leões", vencedores da competição em 2018/19 e 2020/21, têm o maior currículo internacional entre os quatro apurados para a fase decisiva do torneio, com o Benfica a seguir-se, ao ter celebrado o primeiro cetro luso na prova, em 2009/10.

Nas meias-finais, o Sporting defronta os belgas do Anderlecht, estreantes na "final four" após eliminarem de forma surpreendente o FC Barcelona, detentor do título, e as "águias" encaram o anfitrião espanhol Palma Futsal, também pela primeira vez nesta fase.

Esta será a terceira vez, e segunda consecutiva, que duas equipas portuguesas jogam a "final four" da Liga dos Campeões (denominada UEFA Futsal Cup até 2017/18), após as épocas 2010/11 e 2021/22, igualmente tendo os dois eternos rivais lisboetas na luta.

"Leões" com equipa sólida

A turma verde e branca, que atinge pela 10.ª vez a "final four" da principal competição continental de clubes, será a primeira a entrar em ação nas meias-finais, marcadas para o Velòdrom Illes Balears, em Palma de Maiorca, frente à formação belga do Anderlecht.

Os belgas, que contam no plantel com o guarda-redes português Cristiano Marques, que teve passagem pelo Benfica, tal como com o ex-sportinguista Diogo e o ex-benfiquista Diego Roncaglio, apresentam um estatuto de invencibilidade este ano, tendo empates com Kairat, Palma e FC Barcelona.

Por outro lado, o plantel conduzido por Nuno Dias, a cumprir a 11.ª época no Sporting, mantém o núcleo duro de jogadores das conquistas anteriores, como são os casos de Guitta, João Matos, Erick Mendonça, Cavinato, Merlim ou Pany Varela.

"Águias" com ambição

Na outra meia-final, o Benfica procurará, na sua sexta presença nesta ronda, contrariar o fator casa do Palma Futsal, que chega à "final four" na sua estreia absoluta em provas europeias, embora conte com um plantel repleto de experiência nesta fase do torneio.

Este duelo marca o reencontro de Chaguinha, Mancuso e Tayebi com o Benfica, sendo o maior destaque na equipa do Palma Futsal o espanhol Mario Rivillos, que já venceu a Liga dos Campeões em duas ocasiões - uma no Inter Movistar e outra no FC Barcelona.

Já o clube da Luz trocou de treinador em 21 de março, ao anunciar Mário Silva para o lugar de Pulpis, tendo conquistado uma Taça de Portugal em pouco tempo e, dentro da "quadra", tem a experiência de André Sousa, Afonso Jesus, Bruno Coelho, Arthur ou Rocha.

Sporting e Anderlecht abrem a "final four" na sexta-feira, a partir das 17h00, seguindo-se a partida entre Benfica e Palma Futsal, às 20h00. A final realiza-se no domingo, às 19h00, antecedida pelo jogo de atribuição do terceiro e quarto lugares, com início pelas 16h00.

pub