Joel promete um Estoril positivo frente ao Benfica

| 1.ª Liga

Joel Ferreira promete um Estoril a encarar olhos nos olhos a equipa do Benfica
|

O futebolista Joel Ferreira encara com mentalidade positiva a deslocação do Estoril-Praia ao Estádio da Luz para defrontar o Benfica.

As duas equipas jogam entre si, no próximo sábado, a partir das 18h15, em jogo da 14ª jornada do campeonato da I Liga, de futebol.

O defesa Joel Ferreira, que cumpre a segunda temporada na Amoreira, falou sobre o jogo com o Benfica ao revelar: “Preparamos este jogo como preparamos qualquer outro, com uma mentalidade positiva de que podemos fazer um bom resultado na Luz”, como registou o jornalista da Antena 1, José Carlos Lopes.



Perante uma equipa que, nas competições nacionais, ainda não perdeu em casa esta época, os estorilistas mostram-se conscientes das dificuldades mas, e na voz do lateral Joel, também ambiciosos: “Temos uma grande equipa pela frente, forte em todos os setores. Teremos de estar muito concentrados para contrariar as dificuldades que eles nos vão criar. O Benfica tem a responsabilidade de estar a jogar em casa, tem o objetivo de ser campeão e nós acreditamos que podemos fazer algo positivo”.

Nas declarações aos jornalistas o jogador recusou a ideia de um adversário fragilizado pelo insucesso europeu.

Com três semanas de trabalho sob comando do treinador Ivo Vieira, Joel entende que a diferença se tem notado na maior agressividade da equipa: “As exibições têm sido mais conseguidas nos últimos jogos, temos sido mais acutilantes e agressivos ofensivamente, é esse o registo que queremos manter e continuar a crescer para sairmos desta situação. Não marcamos? Era mais preocupante se não estivéssemos a criar oportunidades. Estamos e no futuro a bola acabará por entrar”.

A equipa do Estoril volta a treinar esta sexta-feira, às 10h00, à porta fechada. No final o treinador Ivo Vieira fará a conferência de imprensa de antevisão ao encontro.

A informação mais vista

+ Em Foco

Um terramoto de magnitude 7,5 e um tsunami varreram a ilha de Celebes, causando a morte de pelo menos duas mil pessoas. A dimensão da catástrofe é detalhada nesta infografia.

    Em entrevista exclusiva à RTP, Flávio, um dos filhos de Jair Bolsonaro, afirmou que o candidato do PT Fernando Haddad devia juntar-se a Lula da Silva.

    Na Venezuela, os sequestros estão a aumentar. Em Caracas, só este ano foram raptadas 107 pessoas.

      Faltam seis meses para a saída do Reino Unido da União Europeia. Dia 29 de março de 2019 é a data para o divórcio. A RTP agrega aqui uma série de reportagens sobre o que o Brexit pode significar.