"Bruno de Carvalho é o `queixinhas mor`"

| Benfica
Bruno de Carvalho é o `queixinhas mor`

Figueiredo acusa o líder do Sporting de ser o “queixinhas mor”.

O Benfica esteve ausente da gala das Quinas de Ouro. Em comunicado os encarnados acusaram a Federação Portuguesa de Futebol de inoperância perante aquilo que dizem ser um grave clima de coação.

O clube da Luz diz ainda que há uma inequívoca dualidade na justiça desportiva.

Sobre esta matéria a Antena 1 escutou um ex-dirigente encarnado António Figueiredo, entrevistado pela jornalista Cláudia Martins, que saúda a decisão do Benfica e diz que Bruno de Carvalho é o “queixinhas mor” do futebol português.

António Figueiredo diz que o tratamento dado ao Benfica tem sido diferente do que é dado aos restantes e lembra o caso do cigarro eletrónico que envolveu Bruno de Carvalho e o presidente do Arouca, Carlos Pinho.

Sobre o clássico entre Benfica e FC Porto, marcado para o dia 1 de abril, António Figueiredo diz que o jogo não é decisivo e também não tem dúvidas que o clima quente se vai manter até ao apito inicial.

Relacionados:

A informação mais vista

+ Em Foco

Impostos, orçamentos, metas para o próximo ano. A RTP descodifica a proposta de Orçamento do Estado apresentada pelo ministro das Finanças esta sexta-feira.

    Mário Centeno também deixou no ar a ideia de que, na discussão da especialidade do OE2018, seja posto um ponto final nos cortes do subsídio de desemprego.

    João Guerreiro, presidente da comissão que elaborou o relatório sobre Pedrógão Grande, enumera responsabilidades "momentâneas" e "estruturais".

    Os governos espanhol e catalão além de estarem de costas voltadas entrincheiraram-se em narrativas de auto-justificação absolutamente incompatíveis entre si.