Fernando Gomes membro efetivo do Conselho da FIFA até fevereiro de 2019

| Futebol Internacional

|

O presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Fernando Gomes, tornou-se esta segunda-feira membro efetivo do Conselho da FIFA, que já integrava provisoriamente desde setembro de 2017.

Em Bratislava, no 42.º Congresso da UEFA, Gomes viu confirmada a sua designação para o cargo, que já ocupava desde 20 de setembro de 2017, na sequência da demissão do espanhol Angel Maria Villar das funções que desempenhava nos organismos continental e mundial.

Hoje, o espanhol Juan Luis Larrea foi eleito para o Comité Executivo da UEFA e o húngaro Sándor Csányi vice-presidente da FIFA, ambos por aclamação.

“Depois da eleição de Sándor Csányi, o Comité Executivo da UEFA decidiu indicar Fernando Gomes para o substituir como membro do Conselho da FIFA até ao Congresso da UEFA de 2019”, lê-se no sítio oficial da UEFA na Internet.

Desta forma, Gomes, que preside à FPF desde dezembro de 2011, depois de ter liderado a Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP), entre junho de 2010 e dezembro de 2011, viu efetivado o cargo que já ocupava no organismo que rege o futebol mundial.

O 43.º Congresso da UEFA está marcado para 7 de fevereiro de 2019, em Roma.

Tópicos:

FIFA, FPF, Fernando Gomes,

Pesquise por: FIFA, FPF, Fernando Gomes,

A informação mais vista

+ Em Foco

Nas eleições primárias, alguns dos mais conceituados senadores democratas foram vencidos por candidatos mais jovens, progressistas e, alguns deles, socialistas.

    Em 1995, dois estudantes desenvolveram um motor de pesquisa. Dois anos depois, Andy Bechtolsheim passou um cheque no valor de 100 mil dólares. Nesse dia, fez-se história: a Google nasceu.

      A Austrália enfrenta a maior seca de que há memória, afetando agricultores e criação de gado.