Pepe e Bernardo Silva dispensados da seleção

| Futebol Internacional

Pepe e Bernardo Silva, à direita na foto, deixaram a seleção por opção de Fernando Santos
|

O defesa e o avançado da equipa das quinas estão fora do jogo com a Escócia, do próximo domingo.

Após o jogo e a vitória de quinta-feira com a Polónia (3-2), a contar para a Liga das Nações, a seleção nacional ficou sem Pepe e Bernardo Silva para o duelo de domingo com a Escócia, de caráter particular.

Os dois jogadores, titulares frente aos polacos, foram dispensados dos trabalhos da equipa das quinas, por opção de Fernando Santos.

O central Pepe, que viu um cartão amarelo aos 74 minutos no encontro com a Polónia, poderia jogar com a Escócia, mas seria sempre baixa para o próximo jogo da seleção no grupo 3 da Liga das Nações, quando a equipa das quinas visitar a Itália, em 17 de novembro.


Desta forma o defesa-central, de 35 anos e o extremo de 24 anos vão regressar mais cedo aos trabalhos dos seus clubes, Besiktas e Manchester City.

A informação mais vista

+ Em Foco

Um terramoto de magnitude 7,5 e um tsunami varreram a ilha de Celebes, causando a morte de pelo menos duas mil pessoas. A dimensão da catástrofe é detalhada nesta infografia.

    Em entrevista exclusiva à RTP, Flávio, um dos filhos de Jair Bolsonaro, afirmou que o candidato do PT Fernando Haddad devia juntar-se a Lula da Silva.

    Na Venezuela, a falta de medicamentos está a fazer desesperar a população. A reportagem é dos enviados à Venezuela Sérgio Ramos e Pedro Sá Guerra.

    Faltam seis meses para a saída do Reino Unido da União Europeia. Dia 29 de março de 2019 é a data para o divórcio. A RTP agrega aqui uma série de reportagens sobre o que o Brexit pode significar.