Rui Jorge quer vencer Liechtenstein e Bónia-Herzegovina para sonhar com Euro2019

| Futebol Internacional

|

O selecionador de futebol sub-21, Rui Jorge, realçou esta quarta-feira a necessidade imperiosa de Portugal vencer o Liechtenstein e a Bósnia-Herzegovina, a única forma de aspirar a uma presença no Euro2019 de Itália.

“A nossa mentalidade e a nossa posição perante os jogos é sempre a mesma: tentar jogar para os vencer. Claro que a partir de um determinado momento, poderá ser irreversível um mau resultado”, avisou o técnico, face à posição fragilizada da equipa das 'quinas'.

Portugal está em terceiro do grupo 8 com 16 pontos, a dois da Bósnia-Herzegovina, seleção que recebe na terça-feira no Funchal e conta com mais um jogo, e da Roménia, que tem disputados os mesmos oito desafios dos lusos e que recebe o País de Gales e o Liechtenstein.

A equipa portuguesa se apurará diretamente, uma vez que só os primeiros classificados de cada um dos nove grupos garante a qualificação direta, sendo que os quatro melhores segundos disputam um ‘play-off’, do qual sairão mais duas formações, juntando-se à anfitriã Itália.

Face a estas contas, Rui Jorge diz que a única “certeza” que Portugal pode ter é que a seleção lusa não estará na fase final caso não vença estes desafios.

"Cada jogo tem a sua importância. Para os jogadores é mais um desafio em que vão estar a representar o nosso país e que querem vencer, com o melhor futebol e resultado possíveis. Temos, por norma, bastantes portugueses no Liechtenstein e sabemos o quão importante é para eles que Portugal se exiba a um bom nível”, destacou.

O Liechtenstein é o único competidor da ‘poule’ que ainda não pontuou, marcando apenas dois golos e sofrendo 29.

"É a equipa mais frágil do grupo. Não está ao nível das outras. Enquanto não sofrem o primeiro golo é natural que as suas forças se vão fazendo sentir, mas é uma equipa que está perfeitamente ao nosso alcance. Devemos jogar aquilo que nos compete, independentemente do valor do adversário", afirmou Rui Jorge.

O Liechtenstein-Portugal disputa-se na quinta-feira, às 17h30, em Lisboa, no Rheinpark Stadion, em Vaduz.

A informação mais vista

+ Em Foco

O ministro dos Negócios Estrangeiros considera, em entrevista à Antena 1, que Portugal tem a vantagem de não ter movimentos populistas organizados.

    Segundo um relatório da Amnistia Internacional, o número de mulheres vítimas de violência doméstica em Portugal continua elevado.

      Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

        Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.