Boavista e Leixões aptos a inscrever jogadores após regularizarem situações

| Futebol Nacional

O Boavista está apto a registar novos contratos, depois de ter regularizado a situação junto da Autoridade Tributária e Segurança Social, informou hoje a Liga Portuguesa de Futebol Profissional.

A situação aplica-se também ao Leixões, da II Liga, com o organismo que tutela as competições profissionais a emitir uma nota referindo que os dois emblemas apresentaram as respetivas certidões comprovativas.

O incumprimento impedia os clubes de "registar novos contratos de trabalho desportivo ou de formação, bem como de utilizar jogadores com contratos já registados em épocas anteriores".

Hoje, a Liga levantou o impedimento aos dois clubes, "com efeitos imediatos", depois de reunida a comissão de auditoria que emitiu "parecer favorável", face ao cumprimento das obrigações.

Em 20 de junho, o organismo tinha comunicado que Boavista, Desportivo das Aves e Vitória de Setúbal, da I Liga, e Leixões, do segundo escalão, estavam impedidos de "registar contratos de trabalho desportivo ou de formação" até cumprirem os pressupostos financeiros, uma situação que se mantém para as equipas de Vila das Aves e de Setúbal.

 

Tópicos:

Boavista Desportivo, Leixões II,

Pesquise por: Boavista Desportivo, Leixões II,

A informação mais vista

+ Em Foco

O Conselho Europeu informal de Salzburgo tem em cima da mesa dossiers sensíveis, com a imigração e o Brexit no topo da agenda. A RTP preparou um conjunto de reportagens especiais sobre esta cimeira.

    Nas eleições primárias, alguns dos mais conceituados senadores democratas foram vencidos por candidatos mais jovens, progressistas e, alguns deles, socialistas.

      Em 1995, dois estudantes desenvolveram um motor de pesquisa. Dois anos depois, Andy Bechtolsheim passou um cheque no valor de 100 mil dólares. Nesse dia, fez-se história: a Google nasceu.

        Os novos desenvolvimentos no diferendo comercial entre os Estados Unidos e a China vieram lançar ainda mais dúvidas sobre os próximos passos que os dois lados poderão adotar.