Regulamento Disciplinar da Liga provoca divergências

por Antena 1

O Sindicato dos Jogadores Profissionais de Futebol e a liga de clubes estão de costas voltadas.

Motivo do diferendo: a aprovação do regulamento com os votos contra de jogadores, treinadores e árbitros, os agentes vivos do jogo de futebol.

O presidente do sindicato dos jogadores, Joaquim Evangelista, já revelou a insatisfação da estrutura sindical em declarações ao jornalista da Antena 1, Alexandre Afonso.

No centro da polémica está a alteração do regulamento das infrações de natureza salarial que protege os intervenientes (clubes) que possam ter salários em atraso.

Joaquim Evangelista garante que vai continuar a lutar pelos interesses dos jogadores e analisar com o gabinete jurídico do sindicato a possibilidade de alterar algumas das normas que foram aprovadas em assembleia geral.