Cristiano Ronaldo. Bola de Ouro? É um fenómeno

| Liga dos Campeões

Cristiano Ronaldo, o melhor do mundo, está de volta
|

Cristiano Ronaldo, aos 34 anos, fez os três golos na vitória da Juventus frente ao Atlético de Madrid (3-0), apurando os italianos para os quartos de final da Liga dos Campeões Para a história fica a data 12 de março de 2019. CR7 um caso de estudo sobre os limites do corpo humano.

Depois de uma derrota por 2-0 no primeiro jogo, em Madrid, o astro português voltou a mostrar os galões de melhor marcador da história da Liga dos Campeões, acrescentando mais três à conta pessoal para qualificar a "Juve" para os quartos de final da "Champions".


Golos de cabeça aos 27 e 48 minutos igualaram a eliminatória, num jogo tenso em Turim, antes de fazer o golo que deu o apuramento aos 86 minutos, de grande penalidade, numa edição da "Champions" em que ainda só tinha feito um golo, na fase de grupos.

Bernardeschi, uma das novidades no "onze" de Massimiliano Allegri, fez o passe para o primeiro golo, de cabeça, e o outro português titular, João Cancelo, assistiu para o segundo, validado pela tecnologia de linha de golo, notando-se que o esloveno Oblak defendeu a bola já dentro da baliza.

A quatro minutos dos 90, Ronaldo fez o 24.º golo da temporada em todas as competições, em 36 jogos na época de estreia nos heptacampeões italianos, ao converter um penálti, após uma falta do argentino Correa, e lançou a "Vecchia Signora" para os quartos de final da prova.



Depois de ter deixado o rival Real Madrid no verão de 2018, Ronaldo continua a ter no Atlético uma das vítimas preferidas, chegando aos 25 golos em 33 jogos contra os "colchoneros", em todas as competições.

No 159.º jogo na Liga dos Campeões, o avançado luso voltou a mostrar a tendência para marcar nos jogos decisivos e chegou aos 124 tentos na competição, máximo histórico da prova.
"Foi para isto que a Juventus me contratou"
Após o final da partida Cristiano Ronaldo disse que a Juventus o contratou para exibições como a de hoje (terça-feira), frente ao Atlético de Madrid, em que marcou três golos da equipa italiana.

"Foi para isto que a Juventus me contratou, para ajudar e para fazer o meu trabalho. Estou feliz por uma noite mágica", comentou o internacional português.

Segundo o avançado luso, de 34 anos, esta foi "uma noite especial" pelos golos, mas também "pela atitude incrível da equipa, com mentalidade "Champions`", depois de um apuramento frente a um rival "muito difícil".



Cristiano Ronaldo passou a contar 25 golos em 33 jogos frente ao Atlético de Madrid e 124 na Liga dos Campeões, em 159 encontros, reforçando o estatuto de melhor marcador da história da competição.

Perante mais este momento invulgar do melhor futebolista do mundo a imprensa italiana, espanhola e portuguesa não ficaram indiferentes a mais esta proeza do avançado.


A poucos dias do regresso da seleção portuguesa ao trabalho e, depois de alguns meses de ausência ao serviço da equipa das quinas, o capitão da seleção explicou a ausência e antecipou o regresso.


Cristiano Ronaldo frequentemente considerado como um dos melhores e mais completos jogadores do mundo e de todos os tempos comparado aos grandes nomes da historia do futebol como Pelé, Maradona, Di Stéfano, Eusébio e considerado por outros como o melhor jogador de todos os tempos.

Para quem não sabe e ao longo dos anos Cristiano Ronaldo foi acumulando algumas alcunhas ou apelidos estranhos. Aqui fica o registo de algumas: CR7, Cris, Ronny, El Gajo, El Deseado, A Fera, Papai Cris, Robozão.

A informação mais vista

+ Em Foco

Um "cemitério de dinossauros" descoberto na Argentina, com 220 milhões de anos apresenta fósseis de uma dúzia de animais.

    Um dia que ficará para a história. O dia em que um dos monumentos mais emblemáticos do Mundo foi apanhado pelo fogo.

    Toda a informação sobre a União Europeia é agora agregada em conteúdos de serviço público. Notícias para acompanhar diariamente na página RTP Europa.

      Em cada uma destas reportagens ficaremos a conhecer as histórias de pessoas ou de projectos que, por alguma razão, inspiram ou surpreendem.